30/08/2018 às 08h00min - Atualizada em 30/08/2018 às 08h00min

Transporte urbano terá ônibus elétricos

Veículos foram adquiridos pela Viação São Miguel para renovação da frota e devem começar a operar em 90 dias

DA REDAÇÃO
Representantes da empresa se reuniram com o prefeito | Foto: Valter de Paula/Secom/PMU
Uberlândia será a primeira cidade do Brasil a contar com ônibus elétricos operando de forma contínua e permanente na frota do transporte público municipal. A novidade foi anunciada ao prefeito Odelmo Leão, na tarde da última terça-feira, por representantes da Viação São Miguel, uma das três concessionárias que atuam no Sistema Integrado de Transporte (SIT) da cidade. Em reunião no Centro Administrativo Municipal, os representantes da empresa, João Duarte, Rui Duarte e André Duarte, informaram sobre a aquisição de oito ônibus elétricos da fabricante de automóveis chinesa BYD (que mantém uma fábrica em Campinas - SP) para o processo de renovação dos veículos utilizados nos serviços locais. A previsão é que os ônibus cheguem e entrem em operação dentro de 90 dias.

Os ônibus produzidos em solo nacional, conforme explicaram os diretores, também são auto-sustentáveis, uma vez que utilizarão cem por cento de energia limpa e renovável. A São Miguel irá construir uma fazenda de painéis fotovoltaicos em local próximo para garantir a operação dos ônibus. Assim, será possível reabastecer os coletivos ao mesmo tempo em que se contribui com a produção de energia para a rede elétrica da cidade.

“É um grande passo que permitirá, mais uma vez, que a cidade seja pioneira por suas práticas inovadoras, assim como foi a primeira do país como frota totalmente adaptada e acessível no passado. Portanto, é uma iniciativa que apoiamos para continuarmos com a renovação total da frota, garantindo um serviço de qualidade e sustentável”, destacou o prefeito Odelmo Leão.
 
TECNOLOGIA SUSTENTÁVEL
 
A inclusão de veículos elétricos no transporte urbano em Uberlândia marca o início de um projeto da empresa para substituir gradativamente a frota abastecida por combustível fóssil. “Escolhemos a cidade para iniciar essa revolução tecnológica, que já é realidade em outros países, por respeito ao trabalho que o prefeito e a cidade desenvolveram e desenvolvem em prol do transporte público de qualidade”, disse o gerente operacional da São Miguel, André Duarte.
Os ônibus elétricos que vão operar em Uberlândia são do estilo padron (para cerca de 90 passageiros) e estão sendo produzidos pela BYD em Campinas (SP) e Botucatu (SP), conforme explicaram os diretores da montadora Vagner Rigon e Marcelo Von Schneider, que também participaram do encontro. A montadora é a única a produzir veículos elétricos do tipo no país.

“É um marco no transporte público. Tecnicamente falando, são ônibus cuja carga é carregada entre três a quatro horas, mas têm autonomia para rodar até 280 km por carga. Ou seja, mais do que a média diária dos demais veículos. Além disso, têm vida útil de pelo menos 15 anos”, detalhou o diretor institucional e de relações governamentais da BYD, Marcelo Von Schneider.
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »