11/04/2018 às 12h01min - Atualizada em 11/04/2018 às 12h01min

Protesto contra atrasos fecha plataforma do Terminal Central

Usuários do serviço fizeram manifestação no início da noite de ontem

VINÍCIUS LEMOS | REPÓRTER
Dois ônibus foram impedidos de sair do Terminal Central durante o protesto | Foto: Sinttrurb/Divulgação

Um grupo de usuários do transporte público de Uberlândia protestou, na terça-feira (10), contra atrasos e más condições dos ônibus no Terminal Central da cidade. Pelos menos dois carros foram impedidos de sair durante a manifestação, o que foi normalizado minutos depois. A empresa responsável pelas linhas apontadas como problemáticas disseram que houve apenas uma questão pontual.

As pessoas que participaram da manifestação fecharam uma das plataformas do Terminal Central durante o início da noite, um dos horários de maior movimento no transporte público. Eles pediam a intervenção do poder público para resolver não só atrasos, que ontem acometeram as linhas T-140, T-141, E-141 e foi o motivo do fechamento da plataforma durante o protesto, mas também o sucateamento dos veículos, segundo o Sindicato dos Trabalhadores no Transporte Coletivo Urbano de Passageiros de Uberlândia (Sinttrurb).

O alvo principal de reclamações era a empresa Viação Sorriso de Minas, segundo informou o sindicato.

A Polícia Militar foi chamada e, em seguida, a população se dissipou sem qualquer tipo de resistência ou conflito. Em nota, a empresa e o sindicato patronal informaram que “estão empenhados no bom funcionamento do transporte coletivo em Uberlândia e reforçam o trabalho intensivo para melhor atender os usuários do sistema. Com relação aos atrasos ocorridos na última terça (10), a empresa responsável informou que um problema pontual ocasionou os atrasos, que o mesmo já foi solucionado e atendimento normalizado”.

Também por meio de nota, a secretaria Municipal de Trânsito e Transportes (Settran) informou “que já notificou a concessionária responsável pelas linhas T140, T141 e E141 pelo não fornecimento de ônibus em virtude de um problema operacional. O serviço foi retomado ainda ontem no terminal”. O texto informa ainda que o Município acompanha o caso e irá apurar o fato para que a situação não volte a ocorrer.
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »