29/01/2018 às 18h29min - Atualizada em 29/01/2018 às 18h29min

Operação termina com 17 motoristas presos

DA REDAÇÃO
Policiais autuaram 87 motoristas por infração de trânsito / Foto: Omar Freire/Agência Minas

Dezessete motoristas foram presos durante as ações especiais da Lei Seca realizadas em Belo Horizonte e em outras 17 cidades do Estado durante a noite de sábado (26) e madrugada de domingo (27). Em Uberlândia, cinco motoristas foram autuados, mas não houve prisões.

As detenções aconteceram durante as blitze da Campanha “Sou pela Vida. Dirijo sem Bebida”, que terminaram com 1.954 motoristas abordados. As ações, que tiveram a coordenação da Secretaria de Estado de Segurança Pública (Sesp), também registraram 87 infrações – quando o teor alcoólico registrado no etilômetro não ultrapassa os 0,33 mg/l. Neste caso, os condutores tiveram a carteira de habilitação recolhida e receberam multas no valor de R$ 2.934,70.

As blitze da Lei Seca acontecem para orientar motoristas e chamar a atenção para os perigos da mistura álcool e direção. A Campanha “Sou Pela Vida. Dirijo Sem Bebida” foi implementada pelo Governo de Minas Gerais com foco principal na fiscalização e combate a alcoolemia. Também são fiscalizadas outras questões que podem contribuir com a segurança das vias, como a habilitação dos condutores, aspectos de conservação e manutenção dos veículos, entre outras coisas.

Na ação do fim de semana, além de Belo Horizonte e Uberlândia, houve blitze nos municípios de Contagem, Betim, Juiz de Fora, Uberaba, Lavras, Divinópolis, Governador Valadares, Patos de Minas, Montes Claros, Ipatinga, Barbacena, Curvelo, Teófilo Otoni, Unaí, Pouso Alegre e Poços de Caldas.

As blitze têm a coordenação da Sesp e planejamento e execução conjunta com Polícia Militar, Polícia Militar Rodoviária, Polícia Civil, Polícia Rodoviária Federal, BHTrans, Guarda Municipal de Belo Horizonte e de algumas cidades do interior.
 
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »