11/12/2017 às 18h14min - Atualizada em 11/12/2017 às 18h14min

Americano é espancado após deixar casa noturna

VINÍCIUS ROMARIO | REPÓRTER

Um norte-americano de 51 anos foi internado no Hospital de Clínicas da Universidade Federal de Uberlândia (HC-UFU) em estado grave, com risco de morte, após ter sido agredido ao deixar uma casa noturna no Centro de Uberlândia, na madrugada da última sexta-feira (8). Dois jovens de 23 anos foram presos, um pela agressão e outro por roubar o celular da vítima.

Câmeras de videomonitoramento da Polícia Militar (PM) registraram todo o ocorrido. As imagens mostram o norte-americano na companhia de uma mulher de 39 anos, na rua Santos Dumont, por volta das 5h de sexta.

Uma discussão se inicia entre a vítima e os jovens, no momento em que um deles empurra o norte-americano, que revida com um novo empurrão. Um dos suspeitos então acerta um soco na cara do homem, que cai ao chão e é atingido por chutes. Um dos chutes acertou a cabeça do norte-americano. A mulher tenta separar a briga e também é agredida, mas não se fere gravemente. De acordo com a Polícia Civil, um esbarrão teria causado a confusão.

Com as imagens, momentos após o fato a PM localizou o primeiro suspeito, responsável pelas agressões e o prendeu. O segundo suspeito também foi localizado e preso, mas o celular da vítima não foi recuperado. Os dois foram indiciados por tentativo de homicídio.

A vítima veio para Uberlândia para prestar serviços de engenharia a uma empresa.

 

NOTA

A embaixada norte-americana no Brasil se pronunciou por meio de nota sobre o caso. O comunicado diz que o órgão está ciente do ocorrido e em contato direto com as autoridades brasileiras que estão investigando o assunto. “Como em casos dessa natureza, estamos prestando os serviços consulares apropriados. Por questões de privacidade, não podemos mencionar mais detalhes”, conclui a nota.

Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »