29/11/2017 às 18h32min - Atualizada em 29/11/2017 às 18h32min

Município e Reino Unido estudam acordo bilateral

DA REDAÇÃO
Prefeito, cônsul e secretários debateram termos para acordo durante reunião na terça / Foto: Valter de Paula/Secom/PMU

 

Uberlândia está prestes a se tornar a primeira cidade de Minas Gerais a contar com um acordo bilateral junto ao Reino Unido. O prefeito Odelmo Leão e o cônsul do Reino Unido em Belo Horizonte, Thomas Nemes, juntamente com secretários municipais, se reuniram na terça-feira para discutir termos e pontuar áreas de atuação a serem exploradas em um protocolo de cooperação.

A expectativa é que o acordo, cujo documento está em fase de elaboração, seja assinado no início de 2018. “Estamos empenhados em colocar Uberlândia em evidência. Consequentemente, queremos possibilitar novas colaborações, incentivando boas práticas e mais benefícios para a nossa população”, disse o prefeito Odelmo Leão.

O acordo irá, na prática, facilitar o intercâmbio e o compartilhamento de ações para aprimorar políticas públicas em áreas de atuação como: Cidades Inteligentes, Energias Sustentáveis, Internacionalização de Negócios Locais, Mobilidade, Modernização de Gestão Hospitalar e Educação Internacional.

Nestes segmentos, estão sendo desenhadas ações potenciais, como, por exemplo, o desenvolvimento de pesquisas para tornar a cidade mais inteligente, a identificação de oportunidades para parcerias público-privadas, o fomento do ensino de inglês e do uso de energia e a identificação de mercado britânico para pequenas empresas do município.

As conversas para a parcerias iniciaram em agosto deste ano, ocasião em que o cônsul Thomas Nemes fez a primeira visita a Uberlândia. “É uma cidade com muitos potenciais e, a partir de agora, devo visitar a cidade com mais frequência para alinharmos todos os detalhes da nossa cooperação com o poder público, entidades e empresariado. Uma colaboração que, tenho certeza, será de longa data”, destacou.


Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »