11/09/2017 às 16h31min - Atualizada em 11/09/2017 às 16h31min

Shows do Camaru movimentam cerca de 50 mil pessoas

JOSÉ ELIAS MENDES | REPÓRTER
Imagem aérea da arena de shows no último sábado / Foto: Divulgação

 

Terminou, no sábado (9), a série de shows que marcou a 54ª Exposição Agropecuária de Uberlândia – Camaru 2017. A feira, que em 10 dias recebeu cerca de 400 mil pessoas, teve nos shows um público total de aproximadamente 50 mil pessoas, segundo informações do Sindicato Rural de Uberlândia.

No encerramento, as irmãs baianas Simone & Simaria abriram a noite esbanjando talento e simpatia e adicionando ao currículo um recorde de público dos últimos seis anos da história da feira – ultrapassando a casa dos 20 mil espectadores. A lotação chegou a dificultar um pouco a experiência de quem queria, de fato, curtir o show.

Quem se deu bem foi a uberlandense Thássia Naves, blogueira de renome internacional. Visitando o camarim para uma foto, Thássia foi convidada pelas irmãs para assistir o show do palco. As baianas chegaram a levar a uberlandense para o centro do palco em alguns momentos do espetáculo e Simone, conhecida pelo bom humor, brincou: “agora eu fico linda, me empresta essa bolsa que eu sei que vale a vida do povo todinho”.

Apesar de contarem com amplo repertório, as 'coleguinhas' optaram por dedicar 50% do show para músicas de outros artistas – tanto clássicos, quanto contemporâneos. Simone & Simaria apresentaram, até mesmo, uma versão sertaneja para o funk “Sua cara” da cantora Pabllo Vittar, que iniciou a carreira em Uberlândia, em parceria com Anitta.

Responsáveis pelo último show da feira, Bruno & Marrone também levantaram o público. Com fortes ligações com Uberlândia há muitos anos, a dupla volta à cidade com um show inédito. Entre clássicos atemporais, o público fez coro também às canções do último trabalho da dupla, o DVD “Ensaios”. Lançado esse mês, hits como “Na conta da loucura” e “Enquanto eu brindo cê chora” já estavam na boca do povo.

Na ponte entre os shows, a dupla George Henrique & Rodrigo, apesar de não ser conhecida do grande público, conseguiu segurar a atenção de quem esperava por Bruno & Marrone. Afilhados musicais da dupla, os irmãos goianos apresentaram um show consistente e envolvente.

Nos demais dias do festival sertanejo, nenhum dos shows acompanhados pela reportagem deixou a desejar. A dupla Henrique & Juliano movimentou a feira com hits de seu mais recente trabalho, “O céu explica tudo”. O mineiro Gusttavo Lima comemorou o aniversário no palco, assando carne em um show repleto de sucessos que chegou à 3h30 de duração.

Luan Santana, no penúltimo dia, levou ao festival o seu público mais jovem. Em meio a choros e muita gritaria, o mato-grossense trouxe à Uberlândia a inédita turnê “1977”. O sertanejo, que não fazia shows na cidade há 4 anos, surpreendeu ao utilizar uma grua para sobrevoar e se comunicar mais de perto com a plateia.


Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »