09/08/2017 às 05h42min - Atualizada em 09/08/2017 às 05h42min

UEC define data e local para nova eleição

Diretoria será escolhida no auditório da LUF no dia 30 de setembro

EDER SOARES | REPÓRTER
Assembleia geral foi realizada na última segunda-feira em hotel da cidade / Foto: Silvio Azevedo

 

O Uberlândia Esporte Clube definiu as eleições para a presidência executiva e conselho deliberativo do clube para o dia 30 de setembro, num sábado, entre 9h e 17h, no auditório da Liga Uberlandense de Futebol (LUF).

O prazo final para a entrega dos documentos das chapas na secretaria do clube é dia 10 de setembro. Depois disso, caso a comissão eleitoral entenda que exista alguma irregularidade, as chapas terão ainda mais 48 horas para fazerem as devidas correções. Tudo foi definido em Assembleia Geral realizada na noite da última segunda-feira (7) em um hotel da cidade.

Têm direito a voto aproximadamente 3 mil sócios, entre patrimoniais, beneméritos e sócios remidos da Vila Olímpica. Os candidatos à executiva precisarão montar as chapas com mais dois vice-presidentes, 50 membros do conselho deliberativo, 25 suplentes e mais seis pessoas para o conselho fiscal, totalizando 84.

Até o momento, apenas dois pré-candidatos se manifestaram oficialmente. Pela oposição, o médico Abelardo Penna confirmou que concorrerá ao pleito, além do atual segundo vice-presidente do clube, Flávio Gomide. A terceira chapa, também saindo da situação, deverá ser encabeçada por Alessandro Marques, presidente do conselho deliberativo, ou por Luiz Martins Neto, presidente da Vila Olímpica.

“Desde a década de 80 não se tem uma eleição com mais de duas chapas. Isto se deve à abertura democrática promovida pelo atual conselho, que possibilitou a chegada de mais chapas. A intensão foi justamente essa, abrir as portas do clube para todos os associados”, disse o vice-presidente do conselho deliberativo, Luiz Martins Neto.


Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »