03/08/2017 às 17h12min - Atualizada em 03/08/2017 às 17h12min

Romeira morre afogada no Rio Araguari

Eliane Couto Lacerda, de 48 anos, entrou no rio para se banhar, mas não conseguiu retornar à margem

VINÍCIUS ROMARIO | REPÓRTER
Corpo de romeira foi encontrado próximo à ponte / Foto: Panoramio

 

Uma mulher que ia a pé para Romaria morreu afogada após entrar no Rio Araguari (Rio das Velhas) para se banhar no início da noite de quarta-feira (2). De acordo com o Corpo de Bombeiros, Eliane Couto Lacerda, de 48 anos, seguia com um grupo de nove pessoas de Uberlândia, quando parou para acampar próximo à ponte sob o Rio Araguari, na BR-365, sentido Patrocínio.

Segundo o aspirante Marcelo Teixeira Santos, a vítima teria entrado no rio, se banhando, mas não conseguiu voltar à margem. Os bombeiros foram acionados por volta das 19h30, mas, devido à baixa visibilidade por causa do horário e dos riscos, já que a área é utilizada para pescaria, tendo grande quantidade de anzóis e linhas, as buscas pelo corpo só foram iniciadas às 6h de ontem.

O corpo de Eliane Lacerda foi encontrado por volta das 7h, a dez metros do ponto onde ela se afogou e a cinco metros de profundidade.

O aspirante Teixeira afirmou que casos como esse servem para alertar a população, e, principalmente os fiéis que passarão pelo trecho nos próximos dias.

“As dicas valem para qualquer situação que ofereça riscos. Pessoas que não souberem nadar, não entrem na água. Se forem se banhar, mantenham sempre a água abaixo da cintura. Evitar entrar na água à noite ou sozinho”, disse Teixeira.

 

QUEIMADAS

O período em que ocorre a Romaria também é conhecido pela alta no número de queimadas nas matas às beiras das rodovias da região.

Por isso, acontecerá hoje a “Blitz educativa ambiental contra queimadas”, organizada pela prefeitura de Uberlândia, com apoio da Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL), Câmara de Vereadores, Polícia Rodoviária Federal e Polícia Militar Ambiental.

Na ação, será instalada uma grande tenda na comunidade Olhos D’Água, no km 606. Voluntários irão parar veículos e entregar panfletos educativos. Romeiros a pé também serão orientados.

A iniciativa é para conter o número de queimadas, que destroem a vegetação e geram grandes perigos aos motoristas e moradores da zona rural.

No último sábado (29), por exemplo, um incêndio de grandes proporções atingiu 300 hectares do Parque Estadual do Pau Furado, em Uberlândia. Segundo o Corpo de Bombeiros, o fogo provavelmente começou às margens da rodovia e depois se alastrou por 40% da reserva florestal.


Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »