26/07/2017 às 05h38min - Atualizada em 26/07/2017 às 05h38min

Hospital do Câncer precisa de R$ 10 mi para concluir obra

O Grupo Luta Pela Vida lançou ontem uma campanha para arrecadação de verbas

VINÍCIUS ROMARIO | REPÓRTER
Foto: Divulgação

 

O Grupo Luta Pela Vida, ONG mantenedora do Hospital do Câncer de Uberlândia, lançou ontem a campanha “Junta Pela Vida”, com o intuito de arrecadar fundos para a conclusão das obras da ampliação da Unidade 1. A solenidade foi realizada no quarto piso do hospital, onde será instalado o Centro Cirúrgico da unidade, que contará também com um Centro de Transplante de Medula Óssea, localizado no terceiro andar.

De acordo com o presidente do Grupo Luta Pela Vida, Renato Pereira, será necessário um investimento acima de R$ 10 milhões para a conclusão das obras, iniciadas em janeiro desse ano. Do investimento previsto, R$ 5,6 milhões já foram conseguidos por meio de emendas parlamentares.

“A campanha será realizada justamente para que possamos arrecadar o restante do valor e a intenção é entregar a estrutura até o fim de 2018”, afirmou Pereira. Após a conclusão da obra, os centros ainda deverão ser equipados, prevendo mais investimentos.

O Centro Cirúrgico ocupará uma área de cerca de 2 mil metros quadrados e contará com cinco salas cirúrgicas. Atualmente, os procedimentos cirúrgicos do Hospital do Câncer são realizados pelo Hospital de Clínicas da Universidade Federal de Uberlândia (HC-UFU). De acordo com a assessoria de imprensa do Hospital do Câncer, por ano, o HC-UFU consegue realizar cerca de 450 cirurgias oncológicas, de uma demanda de mais de 1,6 mil.

A assessoria afirmou ainda que um estudo realizado aponta que o Centro Cirúrgico estará preparado para atender a demanda até 2040, quando, segundo o estudo, a demanda anual de cirurgias será de 4 mil.

Já o Centro de Transplante de Medula Óssea está sendo construído em uma área de 200 metros quadrados, com quatro quartos com antecâmaras para os procedimentos, área técnica e posto de enfermagem. O Centro terá capacidade para realizar cerca de 100 transplantes por ano.

O Hospital do Câncer também está próximo de adquirir o terceiro acelerador linear, utilizado para os procedimentos de radioterapia. De acordo com Pereira, o valor do aparelho, de R$ 6 milhões, também já foi conseguido por meio de uma emenda parlamentar.

“Precisaremos ainda de mais R$ 2 milhões para a construção da sala aonde esse equipamento será instalado. Esperamos também arrecadar esse valor com a campanha”, afirmou Pereira. A previsão é que o acelerador esteja funcionando em dois anos.

 

DOAÇÕES

Os interessados em realizar doações podem se informar pelo número 0800 34 2062 de segunda a sexta-feira, das 8h às 20h, e no sábado, das 9h às 14h. As doações podem ser feitas por meio de cartão de crédito, boleto bancário, débito em conta ou por meio de mensageiros do Grupo Luta Pela Vida, que vão até a casa do doador. Quem preferir também pode doar pelo site.


Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »