03/06/2017 às 05h16min - Atualizada em 03/06/2017 às 05h16min

Jornalista de Uberlândia está em concurso nacional

DA REDAÇÃO
Amanda Celio foi selecionada pelo projeto Azmina / Foto: Felipe Vianna/Divulgação

 

A jornalista Amanda Célio, que atua profissionalmente em Uberlândia, está entre as 12 mulheres do Brasil que foram escolhidas no segundo concurso de bolsas de reportagens da revista online Azmina. O projeto é independente e conta com financiamento coletivo para desenvolver 12 séries investigativas sobre temas relativos a questões de gênero.

Nesta edição do concurso, a publicação precisa arrecadar R$ 100 mil para apurar e produzir temas como gordofobia, mulheres na linha de frente do Exército, as modelos negras no Brasil, entre outros. Única representante do Triangulo Mineiro a participar do concurso, a jornalista Amanda Célio foi selecionada com pauta “exploração sexual de crianças nas rodovias mineiras” e está em campanha para conseguir as doações.

“Fazer jornalismo custa dinheiro, e só conseguiremos levar esses temas tão urgentes a toda população se todos contribuírem com alguma quantia para o projeto. Quem não tem dinheiro pode ajudar espalhando o projeto nas redes sociais, falando com o vizinho, com a família, com os amigos, mas o importante é ajudar”, afirmou.

As doações podem ser feitas até o dia 14 de junho, via boleto bancário ou cartão de crédito, e começam em R$ 15. A depender do valor, os doadores podem escolher recompensas em troca da doação, como livros, pôsteres, cursos, entre outros brindes.

 

SERVIÇO: Como doar

Acesse o site: juntos.com.vc/azminareportagens

Faça o cadastro, escolha a forma de pagamento, escolha o brinde (a depender do valor) e finalize.  


Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »