28/04/2017 às 08h48min - Atualizada em 28/04/2017 às 08h48min

Prefeitura começa a pagar salários atrasados

4,7 funcionários receberão hoje o que restava do 13° de 2015 e de 2016

VINÍCIUS ROMARIO - REPÓRTER
Da Redação
Crédito: Marco Crepaldi/Secom PMU Odelmo Leão fez anúncio dos pagamentos em coletiva na tarde de ontem

Parte dos servidores da Prefeitura de Uberlândia deve começar a receber, a partir de hoje, as folhas atrasadas ainda durante a gestão passada. O anúncio foi feito ontem, em coletiva, pelo prefeito Odelmo Leão. O chefe do executivo disse ainda que o vale alimentação, atrasado há 11 meses, também deve começar a ser repassado a partir dos próximos meses.

Segundo o informado pelo Município, os 4.770 trabalhadores terceirizados da saúde que tinham parcelas a receber do 13º de 2015 e de 2016 serão pagos integralmente nesta sexta-feira (28). Sobre o salário de dezembro de 2016 desses trabalhadores, que também está em atraso, Leão disse que deverão ser parcelados a partir de junho de acordo com a disponibilidade financeira da Prefeitura.

Para os 7,3 mil servidores efetivos do Município que ganham até R$ 3,1 mil, os vencimentos de dezembro também devem cair hoje. Ficaram restando ainda aproximadamente outros 4 mil trabalhadores que ganham acima do valor citado. Esses também deverão entrar no esquema de parcelamento a partir de junho.

De acordo com Leão, foram gastos R$ 28 milhões para fazer os pagamentos anunciados ontem. Ele afirmou que esse dinheiro vem de recursos arrecadados pela Prefeitura desde o início do ano e com economias e cortes de gastos.

Sobre os vencimentos que serão parcelados, somando os salários dos servidores terceirizados da saúde e os vencimentos dos servidores efetivos que recebem acima de R$ 3,1 mil, também deverão ser gastos mais cerca de R$ 28 milhões.

“Ainda não é possível informar como serão feitos esses parcelamentos. Assim como anunciei esses pagamentos hoje, em junho convocarei a imprensa novamente para dizer como trabalharemos esses valores atrasados”, disse Odelmo Leão.

 

RETRANCA: ACERTOS

 

Ticket alimentação deve ser regularizado

 

Durante a entrevista coletiva, ontem, o prefeito Odelmo Leão disse também que a Prefeitura deve começar a regularizar o  ticket alimentação dos servidores, que está atrasado desde junho de 2016.

Segundo Leão, o Município gasta mensalmente R$ 1,3 milhão com o vale alimentação. Com os 11 meses de atraso, são cerca R$ 14 milhões que deverão ser repassados para os servidores, também por meio de parcelamento.

“Estamos buscando a regularização completa. O que faremos diferente também é que esse vale de R$ 100 será depositado diretamente na folha do servidor e não em um cartão como era. Assim, também economizamos o que era gasto com a empresa que gerenciava os cartões”, afirmou Leão.

 

Kit escolar

 

Odelmo Leão também informou que os cerca de 60 mil kits escolares devem começar a ser entregues aos alunos da rede municipal a partir de maio. Normalmente, esses kits são entregues no início do ano letivo. Na época, a administração municipal disse que a gestão passada não havia deixado nada preparado, como a licitação para a aquisição dos materiais e a confecção dos uniformes, por isso haveria atraso nas entregas.

 

ARTE: Pagamentos

 

Servidores terceirizados da saúde

 

- 4.770 trabalhadores receberão hoje o 13° que estava em atraso (2015 e 2016)

 

- O salário do mês de dezembro que também está em atraso deverá começar a ser pago a partir de junho de forma parcelada

 

Servidores efetivos

 

- Quem recebe até R$ 3,1 mil receberá hoje o salário de dezembro (7,3 mil pessoas)

 

- O restante, cerca de 4 mil servidores, também deverão começar a receber os vencimentos a partir de junho de forma parcelada

 

*Custo dos acertos

 

  • R$ 28 milhões para os pagamentos anunciados ontem
  • R$ 28 milhões devem ser gastos para quitar os salários que continuam atrasados

 


Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »