12/04/2017 às 08h47min - Atualizada em 12/04/2017 às 08h47min

15 novos ônibus entram em operação

Veículos foram apresentados ontem e fazem parte do processo de renovação da frota do Sistema Integrado

Walace Torres - editor
Da Redação

A partir da próxima semana, o Sistema Integrado de Transporte em Uberlândia terá 15 novos ônibus operando nas linhas do Terminal Planalto, na região Oeste. São 12 ônibus convencionais, com capacidade para 80 pessoas, e três articulados, para acomodação de até 150 pessoas. Os novos ônibus foram apresentados ontem pela Viação Sorriso de Minas, durante solenidade na Prefeitura de Uberlândia. Segundo o presidente da empresa, Donato Gurlin, foram investidos cerca de R$ 10 milhões na aquisição dos novos ônibus. “Até o fim do ano ainda teremos mais uma parte de nossa frota renovada”, disse.

Os novos ônibus fazem parte da renovação da frota do transporte público urbano, prevista em contrato com as empresas. A frota atual conta com 422 ônibus. “O contrato prevê a idade média de cinco da frota. A expectativa é que todas as três empresas deem continuidade à renovação da frota, oferecendo melhor qualidade ao usuário, menos poluição e maior conforto à população”, disse o secretário de Trânsito e Transportes e vice-prefeito Paulo Sérgio Ferreira, que também representou o prefeito Odelmo Leão no evento.

Todos os veículos novos têm motor automático, novo sistema de frenagem e estão adaptados com elevador eletro-hidráulico para atender cadeirantes e pessoas com deficiência. Os veículos também irão passar por vistoria antes de entrar em operação para evitar problemas como o ocorrido ontem, durante a demonstração, em que a aba de segurança do elevador de um ônibus não baixou quando o equipamento foi acionado.

 

Vistoria

 

Questionado pela imprensa sobre a vistoria da frota que está em circulação não ter detectado problemas em alguns veículos, como idade avançada, elevadores que não funcionam e até goteiras no interior, o secretário de Trânsito e Transportes afirmou que o procedimento de checagem dos ônibus ainda não terminou. “Estamos revendo todo esse processo, tivemos problemas em alguns veículos. Os ônibus sem condições têm que sair de operação. Para isso existe a frota reserva”, disse Paulo Sérgio.

Em relação a retirada de cobradores de dentro dos ônibus, o secretário disse que algumas linhas já vinham desde o ano passado operando sem cobradores e continuam dessa maneira. “Temos que fazer um esforço para que haja o mínimo possível de pagamentos em dinheiro para termos um fluxo maior dentro dos ônibus. Algumas linhas têm poucos usuários e poucos utilizam dinheiro”, disse.

SEGISMUNDO PEREIRA

Novo corredor não tem prazo para ser inaugurado

O corredor de ônibus da avenida Segismundo Pereira e o terminal Novo Mundo, ambos na região Leste, ainda não têm data para entrarem em operação.  Segundo o secretário de Trânsito e Transportes, as obras ainda não estão finalizadas. “A empresa está com dificuldade de recebimento porque a administração anterior deixou uma dívida e não temos hoje a certidão da receita previdenciária. Então não podemos pegar o dinheiro na Caixa [Econômica Federal] e pagar as empresas”, disse Paulo Sérgio Ferreira, sem prever data de inauguração.  “Acreditamos que ocorrerá o mais breve possível”.

Ainda sobre o terminal de ônibus, ele informou que agora é que terá início a licitação para escolha da empresa que fará a operação.

Sobre o corredor, Paulo Sérgio disse que equipes da Settran estão revendo a circulação e o tráfego nas vias transversais ao corredor. “As pessoas que moram à direita do corredor, no sentido de quem sobe, estão reclamado de pouco acesso para conversão à esquerda”, disse.

O secretário disse ainda que está sendo reavaliado a manutenção do estacionamento nos dois lados da avenida Segismundo Pereira, bem como a destinação da faixa preferencial para ônibus.

A manutenção do estacionamento foi uma reivindicação feita pelos comerciantes da avenida, ainda durante a fase de construção do corredor, na gestão anterior.

“O corredor foi concebido para ter uma faixa exclusiva e não uma faixa preferencial como está colocado hoje. Estamos revendo isso. Poderá ser preservado o estacionamento para veículos mas estamos revendo essa situação. Por enquanto permanece com estacionamento na Segismundo Pereira”, disse Paulo Sérgio.

Paulo Sérgio disse que estacionamento no corredor será revisto

Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »