24/02/2017 às 08h42min - Atualizada em 24/02/2017 às 08h42min

Polícias apreendem quase uma tonelada de drogas

Apreensões aconteceram em Uberlândia e na região do Triângulo Mineiro

VINÍCIUS ROMARIO – REPÓRTER
Caminhão foi parado pela PF na BR-153, próximo ao Trevão; droga estava em um dos tanques de combustível

Em menos de dois meses, as policiais Federal (PF) e Militar (PM) já apreenderam quase uma tonelada de drogas em Uberlândia e na região do Triângulo Mineiro. São cerca de 960 kg de droga apreendida de janeiro até agora. Do total, aproximadamente 800 kg foram apreendidos pela PF, sendo 500 kg de cocaína e 300 kg de maconha. A PM já tirou da posse de traficantes cerca de 160 kg em tabletes de maconha. A Polícia Civil não informou a quantidade de drogas apreendidas neste ano.

Além dos tabletes de maconha, a PM aprendeu, em 2017, cerca de 1,5 mil buchas ou cigarros da droga. Também foram apreendidos cerca de 2,8 mil pedras de crack e 1,3 mil pinos de cocaína.

As duas maiores apreensões do ano foram feitas pela PF nas últimas terça (21) e quarta-feira (22) na BR-153, que liga Uberlândia a Monte Alegre de Minas.

No primeiro caso, após denúncia anônima, os policiais federais abordaram, na noite de terça-feira, um caminhão próximo à cidade de Araporã, a 120 km de Uberlândia. Questionado pelos policiais, o motorista do caminhão, de 35 anos, teria entrado em contradição e levantado suspeitas. Após buscas pelo veículo, cerca de 135 kg de pasta base de cocaína foram encontrados em um fundo falso onde ficaria o pneu de estepe do veículo. Segundo a PF, o suspeito não quis passar informações de onde vinha e qual era o destino. A suspeita é de que a carga vinha do Mato Grosso (MT) e tinha como destino São Paulo (SP).

No outro caso, também após denúncia anônima, um caminhão com placas do Pará foi parado na tarde de quarta-feira pela PF na BR-153, próximo ao Trevão, em Monte Alegre de Minas, a 70 km de Uberlândia. Foram encontrados cerca de 185 de cocaína pronta para o consumo em um dos tanques de combustível do caminhão. A PF suspeita também que a droga tinha vindo do Mato Grosso (MT) e tinha como destino São Paulo (SP).

Os dois condutores dos caminhões foram levados para o presídio Jacy de Assis. A PF descarta ligação entre os dois casos.

De acordo com o delegado chefe da Polícia Federal na cidade, Carlos Dângelo, Uberlândia está à frente das outras sete delegacias da PF que existem no Estado, ficando à frente também de Belo Horizonte. “Por estarem em um local estratégico no mapa do País, as rodovias que cortam a região são rotas muito usadas pelos traficantes. Essas apreensões mostram que o pessoal pode confiar no nosso trabalho e continuar nos ajudando por meio das denúncias anônimas”, disse Dângelo.



Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »