22/02/2017 às 08h41min - Atualizada em 22/02/2017 às 08h41min

Consumidor deve ficar atento à economia

Situações simples podem reduzir o valor da conta e utilizar melhor a água dos reservatórios

BELO HORIZONTE
Atitudes simples como evitar abrir a geladeira toda hora pode economizar energia

Com o fim do Horário de Verão no último fim de semana, a Cemig destaca que seus consumidores devem continuar economizando. São situações simples que, se colocadas em prática de forma rotineira pela população, podem reduzir o valor da conta de energia e utilizar melhor a água dos reservatórios.

Para evitar gastos excessivos que podem pesar no bolso, é importante saber que o consumo de energia elétrica depende de duas principais variáveis: a potência dos equipamentos e o tempo de uso de cada um deles. Logo, abrir diversas vezes a porta da geladeira, tomar banhos demorados ou manter o ar-condicionado ligado em ambientes abertos podem aumentar o consumo.

Luciano Barreto, engenheiro de Soluções Energéticas da Cemig, destaca que se cada consumidor economizar, mensalmente, o mínimo que seja, os benefícios para o meio ambiente serão imensos.

"A Cemig possui hoje 8,2 milhões de clientes. Considerando que a média de gasto mensal por residência é de 120 quilowatt-hora (kWh), se cada residência reduzir 1 kWh por mês serão 8,2 milhões de kWh economizados no estado. O suficiente para atender uma cidade de mais 250 mil habitantes por mês. Todo mundo ganha e a natureza agradece", comenta.

 

Dicas importantes

Geladeira: evitar guardar objetos quentes dentro da geladeira e realizar a manutenção das borrachas da porta, caso necessário. Limpar e fazer o degelo periodicamente como recomenda o fabricante.

Stand by: aparelhos em stand-by também são responsáveis por gastos desnecessários de energia. A orientação é de que os aparelhos sejam desligados, caso não estejam em uso constante. Micro-ondas, máquinas de lavar e televisores (caso exista mais de um na residência), podem permanecer desconectados das tomadas ajudando na redução do consumo.

 

Iluminação: uma lâmpada fluorescente compacta economiza 75% em comparação a uma lâmpada incandescente de luminosidade equivalente. Se a opção for por uma lâmpada de LED, essa economia sobe para 85%.


Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »