28/09/2016 às 13h05min - Atualizada em 28/09/2016 às 13h05min

Companheiros de time acreditam na volta dos gols e do futebol de Ábila

Manoel e Ariel Cabral apoiam atacante argentino, que não marca há quatro jogos

Ramón Ábila em jogo do Cruzeiro (Foto: Juliana Flister/Light Press)

Ramón Ábila em jogo do Cruzeiro (Foto: Juliana Flister/Light Press)

Ábila tem a confiança dos companheiros para voltar a marcar (Foto: Juliana Flister/Light Press)

A má fase do atacante Ramón Ábila é passageira. Quem garante isso são seus colegas de time, que acompanham de perto o trabalho do argentino. Depois de um começo arrasador, quando fez gols em sete partidas seguidas, Ábila está há quatro jogos sem balançar as redes. Pior do que isso, perdeu três chances claras diante de Atlético-MG e Flamengo. Ainda assim, os número de Ábila ainda são bons. Em 15 partidas, o argentino fez nove gols. Para o zagueiro Manoel, a hora é de apoiar o colega e não criticar, até mesmo pelo passado recente do jogador no clube.

- Acho que o Ábila foi muito cobrado contra o Flamengo. Corre bastante, se dedica, briga sempre na frente. Já salvou a gente muito, confiamos nele. Sempre conversamos. Sempre procura ajudar a equipe. Estamos com ele. Momento não é de criticar, mas sim de ajudar.

O amigo e compatriota Ariel Cabral disse que conversou muito com Ábila depois do jogo com o Flamengo e contou que ele estava muito triste com os gols perdidos. Mas Cabral também tem confiança no ressurgimento do bom de futebol de "Wanchope" e na volta dos gols.

- Nós conversamos muito, olhamos o replay das jogadas. Ficamos tristes porque são gols que ele não erra. E agora está acontecendo algo que antes não acontecia: está faltando sorte. Mas o Ábila é um grande jogador e voltará a fazer gols.

O último gol de Ramón Ábila foi no início deste mês. Ele marcou o segundo na vitória de 2 a 0 em cima do América-MG (veja no vídeo abaixo), pela 23ª rodada do Brasileiro - Arrascaeta fez o primeiro.

 






Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »