06/09/2016 às 11h00min - Atualizada em 06/09/2016 às 11h00min

Academias de Uberlândia investem em novas modalidades para o verão

Movimento e matrículas crescem no segundo semestre.

G1 Triângulo Mineiro

     O verão ainda está longe, mas o movimento nas academias já está crescendo em Uberlândia. Pensando no fim do ano e nas férias de dezembro, muitas pessoas se matriculam em academias para colocar o corpo em forma e começar o famoso “projeto verão”. Por sua vez, os proprietários destes locais se preparam, inclusive, oferecendo novas modalidades aos clientes.
     Marcelo Ranulpho é coordenador técnico de uma academia e disse que o quadro de funcionários chega a ser reforçado de setembro a janeiro, época em que os alunos mais frequentam o local. “Setembro é o mês que as pessoas mais procuram se matricular, o movimento não chega a dobrar, mas tem um aumento significativo”, contou.
De acordo com Ranulpho, a modalidade mais procurada é o spinning. “Não tem uma época mais movimentada, essa aula é sucesso o ano todo”. Para atrair novos e agradar os atuais, uma aula de zumba diferenciada será oferecida a partir deste mês, segundo o coordenador.
     Sabrina Ávila fez academia algumas vezes, mas acabou largando por conta de uma contusão no joelho. Neste mês, ela pretende voltar a malhar. “Decidi me matricular agora porque meu joelho já está bem melhor e nesse tempo que fiquei sem malhar ganhei muitos quilinhos. E do lado do meu trabalho abriu uma academia. Seria o destino?”, brincou.
Sabrina está focando no verão, porém não planeja largar o hábito de malhar quando a estação passar. “Pretendo não parar mais, quero melhorar a minha autoestima e ter mais preparo físico”, contou.
     Dono de uma rede de academias em Uberlândia, Bruno Tyrone disse que depois das férias de julho e quando frio passa a procura aumenta bastante. E com o intuito de atrair novos clientes, a academia dele disponibiliza uma modalidade chamada HitTime. “As aulas começam em setembro, o treinamento é de alta intensidade e conta com diferentes exercícios”, explicou. O empresário também disse que a academia tem um plano especial para quem tem interesse em começar a malhar. “São R$ 59 por mês para fazer todas as modalidades. O plano é por dois anos, para ver o resultado”, acrescentou.
     Lucas Vilela tem 26 anos e desde os 18 pratica atividades físicas periodicamente. “Parei e retomei as atividades várias vezes. Geralmente em julho eu retomo com mais foco para chegar ao período de férias e verão com mais condicionamento físico”, explicou.
     Além de se sentir bem fisicamente, Lucas pretende manter o peso e controlar a saúde. “Pretendo continuar, depois que se torna uma rotina o próprio corpo sente a necessidade diária de atividades físicas”, completou.

Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »