28/06/2022 às 14h37min - Atualizada em 28/06/2022 às 14h37min

Futel abre 60 vagas para modalidades paralímpicas em Uberlândia

Vagas são para a bocha, goalball e parabdminton; podem se inscrever deficientes físicos ou intelectuais, de 9 a 18 anos

REDAÇÃO | DIÁRIO DE UBERLÂNDIA
Atualmente, a Futel tem capacidade para atender 620 pessoas no paradesporto | Foto: Futel/Divulgação

A Fundação Uberlandense do Turismo, Esporte e Lazer (Futel) está com vagas abertas para três modalidades de paradesporto, oferecidas gratuitamente no Centro de Iniciação ao Esporte (CIE). No total, são 20 vagas para a bocha, 20 para o goalball e 20 para o parabdminton, todas para a iniciação esportiva, tanto no masculino quanto no feminino. Podem se inscrever deficientes físicos ou intelectuais, de 9 a 18 anos.

Para se inscrever, os interessados devem se dirigir ao CIE, na avenida Amsterdã, nº 403, no bairro Jardim Europa, de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h, acompanhados por um responsável. É necessário apresentar documento de identidade, atestado médico e comprovante de residência. Dúvidas sobre as inscrições podem ser esclarecidas pelo WhastsApp (34) 99789-7319.

As aulas de bocha são oferecidas de segunda a sexta-feira, das 13h às 17h, e aos sábados, das 8h às 10h. Já o goalball tem atividades às terças e quintas, das 14h às 16h, e o parabadminton, às terças e quintas, das 14h às 16h. “É uma excelente oportunidade para todos que desejam conhecer melhor essas modalidades e iniciar uma atividade esportiva, o que faz muito bem tanto para a saúde física quanto para a mental”, disse o profissional de educação física da Futel, Glênio Fernandes, treinador de bocha.

Como lembra o diretor geral da Futel, Edson Zanatta, os alunos que se destacarem na iniciação esportiva ainda poderão integrar as equipes de alto rendimento. “Hoje o trabalho desenvolvido pela Prefeitura de Uberlândia, por meio da Futel, no paradesporto é referência nacional, pois nossas equipes estão entre as melhores do Brasil em diversas modalidades. Além disso, o esporte e o paradesporto desempenham um papel transformador na vida de todos os atletas, desde os iniciantes aos de alto rendimento”, completou. 

Paradesporto
Atualmente, a Futel tem capacidade para atender 620 pessoas no paradesporto, sendo 110 no atletismo, 30 na bocha, 25 no goalball, 60 no halterofilismo, 50 na iniciação ao paradesporto, 120 na natação, 25 no parabadminton e 200 no paradesporto escolar. As atividades são oferecidas no CIE, no Sesi Gravatás e no UTC.


• Compartilhe esta notícia no WhatsApp
• Compartilhe esta notícia no Telegram

Notícias Relacionadas »
Comentários »