28/04/2016 às 22h41min - Atualizada em 28/04/2016 às 22h41min

Mais de 163 mil famílias recebem Bolsa Família indevidamente, segundo TCU

Benefícios indevidos podem somar R$ 16 milhões em um mês, aponta TCU. Governo diz ainda não ter conhecimento, mas faz revisão cadastral anual

G1
Bolsa Família apresenta irregularidades

O Tribunal de Contas da União (TCU) identificou a concessão indevida de benefícios do programa Bolsa Família a 163.173 famílias, o que corresponde, segundo o tribunal, a 1,23% do total de 13.216.986 famílias do programa. O total do valor pago a esses beneficiários pode ter chegado a R$ 16 milhões em um mês (junho de 2015).

Os ministros do TCU decidiram nesta quarta-feira (27) determinar que a Secretaria Nacional de Renda de Cidadania do Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à fome, responsável pelo Cadastro Único, revise os controles internos adotados para a verificação da elegibilidade dos beneficiários do Programa Bolsa Família.

O Ministério do Desenvolvimento Social informou que ainda não tomou conhecimento do acórdão do Tribunal de Contas da União (TCU). Mas diz que realiza todos os anos processo de revisão e averiguação cadastral, empregando, inclusive, os mesmos bancos de dados utilizados pelo TCU.

Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »