14/05/2020 às 12h32min - Atualizada em 14/05/2020 às 12h32min

Ex-marido sequestra mulher e o filho de 6 anos no bairro Marta Helena em Uberlândia

Avó e neta foram amarradas e ameaçadas pelos autores; vítimas continuam desaparecidas

IGOR MARTINS
Crime foi registrado na tarde desta quarta-feira (13) na casa da família | Foto: Google Street View/Reprodução

Uma mulher de 32 anos e o filho caçula, de seis anos de idade, foram sequestrados na tarde desta quarta-feira (13), no bairro Marta Helena, em Uberlândia. Segundo as informações da Polícia Militar (PM), o crime foi cometido pelo ex-marido da mulher com a ajuda de outros quatro comparsas.

O crime com motivação passional foi registrado por volta das 15h na rua Iguaçu. Na residência estavam a mulher e os dois filhos, sendo a mais velha de outro relacionamento, além da mãe de 62 anos. De acordo com o relato da idosa aos militares, uma jovem de 18 anos teria ido até a casa, se passando por uma cliente já que ela trabalha como costureira. Ao abrir o portão para a suposta cliente, o ex-genro entrou com mais dois homens, a empurraram e ameaçaram usando uma arma de fogo.

Os criminosos quebraram a porta da sala e amarraram a avó e a neta, apontando as armas em direção às cabeças. O ex-marido então encontrou a mulher em um dos cômodos e a arrastou para fora da residência, juntamente ao filho dos dois, colocando-os dentro de um carro cinza e fugindo do local. Uma testemunha disse que o homem gritava o tempo todo que era para a mulher voltar para ele. 

Durante os rastreamentos, a PM conseguiu encontrar a casa da jovem que havia tocado o interfone. Ela disse que o autor principal havia feito contato, ordenando-lhe que fosse até a casa das vítimas. Há informações de que ela teria recebido dinheiro para se passar por cliente e auxiliar na invasão dos criminosos na casa. 

Os policiais montaram uma operação para localizar os envolvidos no sequestro. Eles encontraram um dos carros usados no crime trafegando pela rua da Secretária, no bairro Planalto. A PM deu ordem de parada aos suspeitos, mas eles tentaram fugir em alta velocidade, desrespeitando a sinalização de parada obrigatória e ignorando a ordem dos militares.

Depois da perseguição, os PMs conseguiram abordar o veículo na avenida Sílvio Rugani, no bairro Tubalina. Três autores estavam dentro do carro, sendo que um deles agrediu um policial com chutes, socos e pontapés. A polícia encontrou armas dentro do carro e uma alta quantia em dinheiro, confirmada por todos eles como pagamento oriundo do crime encomendado pelo ex-marido da vítima. 

Também foram apreendidos aparelhos celulares, um simulacro de pistola e o veículo. Os autores receberam voz de prisão em flagrante e foram levados à Delegacia de Plantão com os materiais apreendidos. 

Ainda não há informações sobre a localização das vítimas e do autor do crime que estava em outro veículo. A polícia continua fazendo os rastreamentos nesta quinta-feira (14).


A PM reforça que caso alguém tenha alguma informação ou visto algo suspeito, que possa ajudar na localização das vítimas, entre em contato com pelo 190 ou Disque Denúncia 181. 





















 


Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »