29/04/2020 às 08h30min - Atualizada em 29/04/2020 às 08h30min

Edição do BBB 20 bate recordes

Programa entrou para o Guinness Book e teve mais de 263 milhões de comentários em rede social

FOLHAPRESS
Thelma Assis faturou 1,5 milhão na final de uma das maiores edições do programa | Foto: TV Globo/Divulgação

O BBB 20 chegou ao fim na segunda-feira (27) com o rótulo de um dos maiores de todos os tempos. O programa bombou nas redes sociais, em engajamento, na audiência e entrou para o Guinness Book, o livro dos recordes. Os bons números celebram justamente a edição comemorativa de 20 anos do reality no Brasil. Para esta temporada, a Globo trouxe uma composição inédita do time de confinados com famosos e anônimos, além de resgatar provas antigas que fizeram sucesso ao longo dos anos.

"Estou no reality desde o início e ver nosso público se identificando com os brothers e suas histórias, se divertindo, jogando, se entregando junto com a gente é e sempre será o melhor retorno que podemos desejar. Esses números históricos são fruto dessa troca que temos há 20 edições", diz o diretor Rodrigo Dourado.

Os números, de fato, foram surpreendentes. O reality teve 20 participantes, 97 dias de confinamento e 17 paredões. Babu Santana foi o recordista de paredões, dez no total. E na final apenas Manu Gavassi, Rafa Kalimann e Thelma Assis, a única inscrita, disputaram o prêmio de R$ 1,5 milhão, que acabou ficando com a médica anestesista. Rafa ficou com R$ 150 mil e Manu, com R$ 50 mil.

O décimo Paredão do programa, no dia 31 de março, entre Mari, Manu e Prior, acumulou um total de 1.532.944.337 de votos no Gshow, site oficial do BBB. A marca entrou para a história como a maior de todos os tempos e agora é vista no Livro dos Recordes. "O engajamento que esse Paredão mostrou é apenas a prova da paixão do público pelo BBB. Ficamos sempre lisonjeados e emocionados quando vemos o quanto as pessoas se importam com nossas histórias e personagens", diz Tiago Leifert, apresentador do programa deste o BBB 17.

AUDIÊNCIA
O BBB 20 completou três meses ultrapassando a marca de 165 milhões de pessoas alcançadas na audiência acumulada no PNT (Painel Nacional de Televisão). A edição registrou, no período de 21 de janeiro a 21 de abril, média de 25 pontos em São Paulo e 27 no Rio de Janeiro. Isso representa um crescimento de 5 pontos em São Paulo e outros 5 no Rio.

Com um elenco afinado e programa em alta, a visibilidade dos participantes também aumenta. As redes sociais dos participantes tiveram acréscimos significativos, principalmente daqueles menos conhecidos. Quem já tinha fãs aumentou sua exposição e seus números.

Os inscritos (anônimos no início), que antes contabilizavam juntos 205.456 fãs em suas contas no Instagram, agora acumulam mais de 28 milhões de seguidores no total. Já no grupo dos famosos, o número passou de 22,4 milhões de seguidores somados para mais de 64 milhões até agora. Babu, por exemplo, que antes tinha 23 mil seguidores, agora ultrapassa seis milhões. Felipe Prior, que recentemente foi acusado de estupro, entrou com mil seguidores e hoje conta com 6,5 milhões.

No começo do jogo, quando Marcela despontava para a popularidade depois de desvendar os planos machistas dos homens da casa ganhava cerca de um milhão de seguidores a cada dois dias. Depois, os números baixaram e tanto ela quanto Bianca Andrade, conhecida por Boca Rosa, perderam seguidores. Bianca teve uma atitude impensada de querer beijar Guilherme mesmo tendo namorado do lado de fora e patinou no jogo.

O BBB 20 bateu recordes também no Globoplay. O programa atingiu a marca de 95 milhões de horas assistidas na plataforma até o dia 24 de abril e registrou um aumento de consumo de mais de 500% em relação à edição anterior. O programa gerou 4,3 bilhões de impressões e comentários em postagens sobre o reality nas contas oficiais e 88 milhões de pessoas consumiram algum conteúdo de BBB nas propriedades digitais da Globo desde a estreia em 21 de janeiro. Após o programa desta segunda-feira (27), as três finalistas serão entrevistadas no Globoplay.

"A atual temporada nasceu junto com o desejo de fazer uma homenagem à trajetória de vinte edições. Cada detalhe, surpresa, dinâmica inédita, integrantes do elenco e episódio colocado no ar foi pensado com muito carinho", comenta Dourado.

REPERCUSSÃO NO TWITTER
No Twitter, a repercussão foi bastante positiva e em todas as edições o programa figurou entre os assuntos mais comentados. De acordo com levantamento do microblog a pedido da reportagem, em apenas duas semanas no ar, a edição de 2020 já havia superado toda a edição de 2019 em volume de conversas na plataforma.

Foram 28 milhões de comentários no mundo sobre o #BBB20 em duas semanas contra 24,8 milhões em toda a edição do BBB 2019. Hoje, dia 27 de abril, o #BBB20 já bate mais de 263,9 milhões de comentários no mundo todo. Além disso, a rede social disponibilizou no levantamento os dez momentos que mais bombaram na internet.

Entre os momentos, o machismo e a guerra contra os homens da casa aparecem em pelo menos dois termos mais populares na rede: com "BBB adverte Petrix" e "Plano de sedução". Além disso, outros momentos que foram muito populares e debatidos na rede foram quando Pyong Lee e depois Felipe Prior foram eliminados, a liderança de Thelma após 26 horas e quando Tiago Leifert contou aos brothers sobre o coronavírus.






















 

Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »