02/10/2019 às 11h16min - Atualizada em 02/10/2019 às 11h16min

Dentil/Praia está perto do retorno de Coco e Carol

Treinador e central estão liberados da seleção após a Copa do Mundo

EDER SOARES
Treinador Paulo Coco, com a central Carol, ao fundo, em jogo do Praia Clube | Foto: Ascom/Praia Clube

Com o término da Copa do Mundo de Vôlei Feminino, disputada no Japão, o Dentil/Praia Clube ganhará três importantes reforços nos próximos dias. A central Carol e o técnico Paulo Coco, que é auxiliar de José Roberto Guimarães na seleção brasileira, chegam para reforçar os trabalhos. Coco deve desembarcar em Uberlândia amanhã (3), enquanto Carol chega na próxima segunda-feira (7).
Já em relação a uma das grandes novidades para a temporada 2019/2020, a ponteira dominicana Martinez tem desembarque previsto na cidade para o dia 18 deste mês, já que ela ainda disputará uma competição com a seleção do seu país.

Até o momento, os trabalhos no Dentil/Praia estão sendo comandados pelo auxiliar técnico Wendel Ramos, inclusive nos dois amistosos realizados contra Bauru (SP), em que o Praia venceu o primeiro por 3 sets a 2 e empatou segundo por 2 a 2.

A Federação Mineira de Vôlei (FMV) confirmou a realização de um quadrangular preparatório a partir do dia 19 deste mês, em Sete Lagoas. Além do Praia, também participarão dos amistosos Flamengo (RJ), Fluminense (RJ) e Minas Tênis Clube, equipes que também estarão na disputa da Superliga Feminina. O Dentil/Praia estreia na principal competição nacional no dia 12 de novembro, contra o Valinhos (SP), no estado de São Paulo.

COPAS
Mas antes da Superliga, o Praia tem dois desafios oficiais que abrem a temporada.  No dia 1º de novembro, a equipe entra em quadra para a disputa da Supercopa, que acontecerá na Arena Sabiazinho. Nos dias 5, 6 e 7 do mesmo mês, a equipe parte para Belo Horizonte, onde disputará o Campeonato Mineiro, que terá ainda as participações do Minas Tênis, atual campeão, Mackenzie e Curitiba Vôlei, convidado deste ano. A Copa Brasil ainda terá data e local confirmados, enquanto o Mundial Interclubes da China está marcado para acontecer entre os dias 3 e 8 de dezembro em Shaoxing.

O auxiliar Wendel Ramos garante que, assim que chegar, o técnico Paulo Coco pegará uma equipe em franca evolução técnica e tática. “Como eu disse anteriormente, ainda estamos longe do que é necessário para uma estreia oficial em competições, mas com certeza, até lá, o nível estará muito perto do ideal. Outro fator importante é que as jogadoras que estão para chegar, vão chegar com pleno ritmo técnico pelas disputas com as seleções”, afirmou.

SELEÇÃO
A Seleção Brasileira feminina de vôlei encerrou a Copa do Mundo em quarto lugar. No último domingo (29), o Brasil venceu a Rússia por 3 sets a 1 (28/26, 25/20, 21/25 e 25/19), em 2h07 de jogo, em Osaka, no Japão. A China ficou com o título, os Estados Unidos com a medalha de prata, e as russas, com o bronze. O time verde e amarelo terminou a competição com 21 pontos (sete vitórias e quatro resultados negativos). As chinesas venceram a competição de forma invicta perdendo apenas três sets, com 32 pontos. As norte-americanas ficaram em segundo lugar, com 28 (10 resultados positivos e um negativo) e as russas em terceiro, com 23 (oito vitórias e três derrotas).

Com o encerramento da Copa do Mundo, encerra-se o calendário mundial de competições para as seleções, que agora se preparam para a temporada 2020, que terá como principal competição a disputa dos Jogos Olímpicos do Japão, a partir do dia 24 de julho.

Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »