26/09/2019 às 12h42min - Atualizada em 26/09/2019 às 12h42min

URT apresenta técnico Ademir Fonseca

Treinador foi campeão do interior em 2016 com o Trovão Azul; no Uberlândia Esporte conquistou acesso neste ano

EDER SOARES
Ex-técnico do Verdão volta a treinar a URT de Patos em 2019 | Foto: Toninho Cury/Rádio Clube

A URT de Patos de Minas é a primeira equipe do interior a confirmar o seu novo treinador para a disputa do Campeonato Mineiro – Módulo I. Trata-se de um velho conhecido da torcida do Trovão Azul e também do futebol mineiro. Ademir Fonseca, que neste ano comandou o Uberlândia Esporte Clube (UEC) no acesso para a elite estadual, terá a sua segunda passagem pela URT.

Em 2016, Fonseca foi o treinador da Veterana da avenida Brasil no título de campeão mineiro do interior. Ele chega a Patos de Minas acompanhado do seu filho Winnícius Marquezine, que também esteve em Uberlândia, e que acumulará as funções de auxiliar técnico e preparador físico.  A pré-temporada do time se iniciará em meados de novembro.

O anúncio da contratação de Ademir foi feito pela presidente da URT, Maria Isabel Pimenta Rocha. Segundo o treinador, o retorno para Patos de Minas era um casamento próximo de ter uma volta. “Já tinha sido sondado antes para voltar, mas não chegamos a um denominador comum, o que acabou dando certo agora. Nosso time será muito competitivo, tenho a confiança da diretoria e do torcedor e vamos realizar uma campanha, na qual a URT precisa voltar a disputar um Campeonato Brasileiro e até a Copa do Brasil.

No comando da URT, Fonseca fez 11 jogos na primeira fase do Módulo I em 2016, com cinco vitórias, quatro empates e duas derrotas. Na fase semifinal, um empate por 2 a 2 contra o Atlético, em Patos de Minas, e uma derrota por 2 a 0 no Estádio Independência.

VERDÃO
Outra equipe da região que confirmará o novo treinador para a temporada 2020 do Campeonato Mineiro – Módulo I é o Uberlândia Esporte. O comandante alviverde será apresentado, pela manhã, no CT Ninho do Periquito. Alguns dos nomes contados são os de Felipe Surian, que comandou o Verdão, ano passado, na disputa do Campeonato Brasileiro – Série D e Leonardo Condé, vice-campeão mineiro pela Caldense em 2015.


Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »