04/07/2019 às 08h01min - Atualizada em 04/07/2019 às 08h01min

Halterofilistas de Uberlândia se juntam à Seleção

Atletas vão representar o Brasil em Nur-Sultan, no Cazaquistão

EDER SOARES
Atletas uberlandenses e o técnico Wéverton Santos vão integrar a equipe brasileira no Cazaquistão | Foto: Divulgação

Os atletas Lara Lima, Mateus Assis Silva, Vinicius Menezes de Freitas e o técnico Wéverton Santos da equipe CDDU/Futel viajam para representar o Brasil no Campeonato Mundial de Halterofilismo Paralímpico, que acontecerá de 12 a 20 de julho na cidade de Nur-Sultan, no Cazaquistão. Os competidores e o treinador embarcam na segunda-feira (8) para São Paulo, onde encontram o restante da delegação brasileira.

O técnico Wéverton Santos explicou que a participação no Campeonato Mundial é fundamental. “O atleta que não for basicamente já está fora das Paralimpíadas. Esta competição faz parte de um sistema no parahalterofilismo que chama Caminho para Tóquio”, disse.

Sobre a participação dos atletas, o treinador está otimista. “O Vinicius irá disputar apenas a competição júnior, já a Lara e o Mateus vão em busca de continuar entre os top oito do ranking mundial, que é a posição que garante vaga direta para Tóquio. A expectativa é muito boa. Os dois estão nesta margem, treinaram muito e vêm de uma excelente evolução nos treinamentos”, afirmou o treinador.

Além dos três atletas de Uberlândia, outros oito foram convocados para integrar a seleção brasileira. “A expectativa de excelentes resultados é grande, porém é um Campeonato Mundial, torneio mais forte que temos na modalidade. Por isso é difícil fazer uma projeção, mas todos vão com o foco de fazer a melhor marca de suas vidas”, concluiu o treinador.

OS ATLETAS
Lara Lima, que compete nas categorias júnior e adulto, é atual campeã e recordista brasileira na categoria até 49 kg, além de ser medalha de ouro na Copa do Mundo em Dubai. Este será o seu primeiro Campeonato Mundial. Lara garante que está preparada para fazer o melhor e continuar a busca pela classificação ao Japão. “Será uma competição de alto nível e que precisarei competir com os melhores halterofilistas do mundo em minha categoria. Mas, junto com toda a nossa equipe, venho treinando muito e estou totalmente focada em fazer o melhor que posso para continuar na briga para ir a Tóquio”, disse.

Mateus Assis vai para a segunda participação em Mundiais. É considerado um atleta adulto campeão brasileiro e recordista brasileiro na categoria até 107 Kg, com experiência em competições internacionais.

Vinicius Freitas é um atleta júnior também campeão brasileiro júnior em sua categoria até 80 kg, medalha de ouro na Copa do Mundo em Dubai.  O paratleta disputará o seu segundo campeonato mundial.
 


Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »