28/05/2019 às 08h00min - Atualizada em 28/05/2019 às 08h00min

Boca de Cena destaca artistas uberlandenses em apresentações que vão até agosto

Udi Cello e Kainã Bragiola abrem o primeiro dia do festival em Uberlândia

ADREANA OLIVEIRA
Udi Cello volta ao palco com Arnaldo Freitas e desta vez com o VagaMundo na mesma apresentação em formato inédito (Divulgação)
Começa hoje mais uma edição do Festival Boca de Cena que até agosto, durante nove noites, receberá 13 grupos que atuam na cidade e levarão para o foyer e para o palco italiano do teatro Municipal de Uberlândia peças de teatro, música e dança. Para a noite de abertura se apresentam o cantor e compositor Kainã Bragiola, com seu espetáculo “Retrato de um artista quando pobre”, que dá nome a seu EP com cinco músicas. O show será no foyer.

Logo depois, no palco italiano, a orquestra Udi Cello Esemble convida o violeiro Arnaldo Freitas e o grupo VagaMundo. Segundo a produtora executiva da orquestra de violoncelo uberlandense, Laura Millya, essa é a primeira vez que os três se apresentarão juntos.

O concerto marca os 10 anos do Udi Cello Ensemble que dá vida ao violoncelo através de obras e parcerias que marcaram e continuam a marcar sua jovem trajetória. O grupo homenageia o Brasil com obras do imaginário infantil, dos índios, dos negros, dos migrantes e dos cancioneiros, e mostra sua versatilidade ao dialogar com a viola brasileira de Arnaldo Freitas e contrapondo as vozes e ritmos do VagaMundo.

O Udi Cello segue com a série Concertos Art & Cello no decorrer do ano. Ao todo, o grupo que tem na regência o violoncelista Kayami Satomi já realizou mais de cem concertos em território brasileiro que incluem participação e premiação em festivais e concursos nacionais e internacionais.
O versátil Arnaldo Freitas é compositor e violeiro da nova geração com influências que vão do violeiro Tião Carreiro ao guitarrista Paco de Lúcia. Por alguns anos foi integrante do programa “Viola, minha viola”, apresentado por Inezita Barroso.

Já o quarteto vocal VagaMundo é fruto de um desejo de cantar e estudar juntos dos cantores Carlos Menezes Júnior, Daniela Borela, Juliana Penna e Vânia Borges. O quarteto se dedica a apresentar uma sonoridade que prima pela técnica da criatividade contemplando o regional e o popular em uma maneira bem singular.

A Concertos Art & Cello começou em abril deste ano e vem com energia e entusiasmo com o objetivo de entrar permanentemente para as agendas culturais de Uberlândia, do Triângulo Mineiro e de toda a região.

SERVIÇO

O QUE: Boca de Cena 2019
QUEM: 19h30 Kainã Bragiola no foyer com “Retrato de um artista quando pobre” e às 20h no palco italiano UdiCello Ensemble convida Arnaldo Freitas e Vagamundo
ONDE: Teatro Municipal de Uberlândia
INGRESSOS: Kainã Bragiola (entrada franca) – UdiCello R$ 20 (inteira) e R$ 10 (meia-entrada) à venda no restaurante Terra Brasilis das 13h às 18h, na bilheteria do teatro a partir das 12h ou pelo site megabilheteria.com (com taxa de conveniência)
CLASSIFICAÇÃO: livre
INFORMAÇÕES: 3235-1568
 
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »