26/04/2019 às 08h25min - Atualizada em 26/04/2019 às 08h25min

Oswaldo Montenegro se apresenta nesta sexta-feira (26) em Uberlândia

Cantor chega com “Serenata” a Uberlândia e fala ao Diário sobre o show e seu novo filme

ADREANA OLIVEIRA
Oswaldo Montenegro retorna às suas origens em turnê iniciada no ano passado (Divulgação)
Oswaldo Montenegro é um carioca de coração mineiro. Nascido no Grajaú, mudou-se com os pais para São João Del Rei quando tinha 8 anos de idade. Sempre foi um homem das artes que além de viajar em turnês musicais por todo o País também pelo exterior, também brinda seus ouvintes com belíssimos musicais, filmes e atualmente outros formatos de mídia que compartilha em suas redes sociais eletrônicas.

Nesta sexta-feira (26) Uberlândia receberá novamente o artista, que já conhece a hospitalidade dos uberlandenses e o carinho que a cidade tem por ele, que esteve por aqui pela última vez há cinco anos. O show “Serenata” será apresentado em duas sessões no Teatro Municipal. A sessão extra (19h) foi marcada após esgotarem os ingressos para às 21h.

Montenegro conversou com o Diário de Uberlândia sobre o show e também seu mais novo filme. O músico volta à Uberlândia com um show intimista, que remete às suas origens e teve início em 2018. “Uberlândia praticamente fecha a turnê. Nesse show homenageio o que realmente sou, um trovador. Isso nasceu nas serenatas de São João Del Rei. Conviver com os boêmios daquela cidade, andando com os meus pais de madrugada, me definiu. E principalmente definiu, pra mim, a arte como sendo um lugar de afeto. Durante toda minha vida mostrei nos shows as coisas que mais gosto, e nesse apresento o que sou”, explicou ele que também está em turnê com o amigo Renato Teixeira, “A Emoção de um Encontro”, que espera também apresentar em Uberlândia até o final deste ano.

Na hora de selecionar o repertório, Montenegro priorizou suas composições mais aparentadas com esse ambiente de serenata, de lampiões, ruas estreitas e lua cheia, como “A Lista”, “Bandolins”, “Travessuras”, “Lua e Flor”, “Estrelas”, “Sem Mandamentos” e “Intuição”. Ele disse que a turnê não será transformada em DVD e avisa que no DVD “3x4”, disponível em seu canal no YouTube, há um bloco chamado “Serenata”, porém, nada melhor do que ter essa experiência ao vivo, com o artista, nesta sexta.

SERVIÇO

O QUE: Show “Serenata”
QUEM: Oswaldo Montenegro
ONDE: Teatro Municipal de Uberlândia
QUANDO: sexta-feira (26), às 19h e 21h
INGRESSOS: R$ 130 (inteira) e R$ 65 (meia-entrada) à venda pelo site megabilheteria.com (com taxa de conveniência) – somente para sessão das 19h
INFORMAÇÕES: 3235-1568

“A CHAVE DO VALE ENCANTADO”

Novo filme do artista já tem mais de 110 mil visualizações


A fotografia é um dos destaques da saga utópica criada por Oswaldo Montenegro (Ian Ruas/Divulgação)

No último dia 10, Oswaldo Montenegro lançou o filme “A chave do Vale encantado” (2019, 85min, Classificação livre), que até ontem contava com mais e 116 mil visualizações no YouTube (youtube.com/oswaldomontenegro), plataforma escolhida para a divulgação da produção.

"A Chave do Vale Encantado" é uma adaptação, para o cinema, do livro "O Vale Encantado", que Montenegro escreveu na década de noventa e foi premiado e indicado pelo Ministério da Educação e Cultura (MEC) para ser adotado nas escolas. Divertida e emocionante, a película propõe uma desconstrução dos icônicos personagens dos contos de fada: Robin Hood, Rapunzel, Branca de Neve, Chapeuzinho Vermelho, Lobo Mau, Príncipe, Bruxa, Fada Azul, Papai Noel, Gigante, Pequeno Polegar, Pinóquio e outros.

Segundo Oswalo Montenegro, a repercussão está maravilhosa e ele se emociona ao ler as centenas de comentários sobre o filme na plataforma. “Ali percebo que a obra conversa com adultos e crianças, porque ela transborda afeto e aponta para um lugar em que poderíamos viver, se jogássemos fora nossa mesquinharia e nossa competitividade. Esse é um filme de utopia assumida. Que não recua diante da possibilidade da doçura e da amizade, como única solução para nós. A criança pode senti-lo de um jeito e o adulto de outro, mas, nas duas formas, a alegria é a única possibilidade de cura. Como diz a Vovó do nosso Vale Encantado: ‘A alegria é a mãe da bondade’”.

O artista comentou que entre as várias plataformas disponíveis tem apostado mesmo no YouTube, não só para divulgar seus quatro longas-metragens mas também web séries, especiais de músicas, entre outros. “Ali, posso entrar em contato diretamente com o público ou com as pessoas que se sentem emocionalmente ligadas à minha arte. Não acho que essa é a melhor maneira, e sim a melhor maneira pra mim, por enquanto”.

Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »