19/03/2019 às 07h44min - Atualizada em 19/03/2019 às 07h44min

Após vitória, Hannibal espera próximo desafio

O lutador de Uberlândia espera voltar a combate, até a metade do ano, e seguir no objetivo de conquistar o cinturão

Éder Soares
Em baixo, Hannibal tenta levar Danny Roberts para a luta no solo (UFC/Divulgação)
O lutador uberlandense Claudio Hannibal terá pela frente duas semanas de descanso depois da conquista de sua quarta vitória no UFC, franquia mais famosa do MMA Mundial. Só depois é que ele voltará o foco no próximo desafio que poderá acontecer em meados de junho ou julho. Hannibal venceu o britânico Danny Roberts, por finalização, no terceiro round da luta do último sábado (16), no UFC London realizado na O2 Arena em Londres (Inglaterra). A decisão do árbitro foi bastante contestada pelo adversário, já que a alegação para dar a vitória ao brasileiro seria a de que Roberts teria gritado com o golpe encaixado por Hannibal, automaticamente desistindo da luta como manda o regulamento.

Hannibal, de 36 anos, segue firme no seu objetivo de chegar à disputa do cinturão dos meio-médios (até 77kg), que atualmente tem como campeão o norte-americano Tyron Woodley, de 37 anos. “Agora preciso aproveitar os dias que tenho para descansar e depois voltar a treinar forte, como sempre fiz. Foi uma luta dura, ele (Roberts) tentou me pressionar antes e durante a luta, mas não conseguiu. No final, mesmo ele me acertando um golpe duro eu consegui jogá-lo no chão e aplicar a chave de braço”, disse Hannibal, que agora espera uma decisão do UFC sobre adversário e data da próxima luta.

“Acho que seria legal uma nova luta em junho ou julho, mas não depende de mim e sim do meu empresário e do UFC. De qualquer forma estarei ainda mais preparado para o próximo adversário, que com certeza será ainda mais duro do que foi o Danny Roberts, que já é um lutador de muita técnica e qualidade. Quanto mais lutas eu ganhar, mas chances terei de chegar a disputa do cinturão, que é o meu grande objetivo”, afirmou o lutador, que mora em Londres.
Recuperado de uma lesão na lombar que o afastou do UFC de Moscou, no mês de setembro, Claudio Hannibal está invicto na franquia, agora com quatro vitórias em quatro combates. Em seu cartel geral dentro do MMA, Hannibal acumula 13 vitórias e apenas uma derrota.

Antes de bater Danny Roberts, Hannibal havia lutado no UFC Liverpool (Inglaterra), em maio do ano passado, quando finalizou o canadense Taleb Nordine. Antes, ele passou pelo britânico Leon Edwards, em 2014, no UFC de Uberlândia. A primeira vitória no UFC foi no mesmo ano, diante do também britânico Brad Scott, em Londres.
Notícias Relacionadas »
Comentários »