09/01/2019 às 08h06min - Atualizada em 09/01/2019 às 08h06min

Natalia Martins lança primeiro álbum

Cantora e instrumentista apresenta 4 composições inéditas e 2 regravações

NÚBIA MOTA
Natalia Martins tem um trabalho variado, passando do romântico aos estilos mais dançantes | Foto: Divulgação
A presença das mulheres no universo sertanejo não é mais novidade. Elas têm liderado a lista das mais ouvidas em plataformas de streaming e desbancado os homens. E nessa onda do empoderamento feminino, sempre tem lugar para mais uma artista brilhar. E foi pensando nisso, que a cantora Natalia Martins decidiu investir na carreira e gravar o primeiro álbum, produzido em Uberlândia. 

Com um trabalho variado, passando do romântico aos estilos mais dançantes, a cantora de 31 anos, nascida em Gurinhatã (MG), veio para Uberlândia há cerca de 10 anos para estudar. Se formou em Educação Física, trabalhou no comércio local, mas foi com a música que ela se identificou e há pouco menos de 1 ano, já com quatro locais fixos para se apresentar, além de contratos para tocar em festas particulares, passou a viver exclusivamente de arte. “O mercado de Uberlândia é muito bom e o mercado, no geral, expandiu muito para as mulheres. Antes tinha a Fátima Leão, Sula Miranda,  Roberta Miranda, depois veio a Paula Fernandes e agora veio Maiara & Maraisa e Marília Mendonça, que é minha inspiração”, disse Natalia. 

A gravação do primeiro trabalho, um EP de 6 faixas, intitulado “Objeto Seu”, dá nome também a música de trabalho, uma vaneira romântica, composta por Paulinha Gonçalves, Diego Damasceno e Thiago Rossi. O trabalho ainda ganhou um clipe, gravado em estúdio por Carol Arantes, publicado no Youtube há menos de uma semana e já com mais de 1.200 visualização.

O EP, disponível no Spotifye e iTunes, traz, além de “Objetivo Seu”, outras 3 músicas inéditas. São elas a “Tentei te substituir”, de Victor Hugo, Phelipe Pancadinha e Paulinha Gonçalves, em um estilo universitário; “Onde você vai morar?”, com um lado mais romântico, feito por um grupo novo de compositores de Uberlândia composto por Xica Lopes, João Netto e o mexicano César Morquecho, e a sofrência “Só me machucar”, de Pablo Pacheco, com participação do cantor Vittor Hugo.  Natalia Martins ainda fez duas regravações, com “Me leva pra casa”, de Zezé Di Camargo & Luciano e um pout-pourri com “Cheiro de Shampoo” e “Sou eu”, de Chrystian & Ralf.

As músicas foram gravadas em novembro do ano passado, com produção de Otávio Moraes, responsável também por trabalhos da dupla Marco & Mário e os violeiros Lucas Reis & Thácio.  A intenção, além de colocar as músicas na internet, é fazer um CD promocional para divulgar o trabalho até o mês de março.
 
Para conhecer o trabalho de Natalia Martins:
Instagram : nataliamartinssm
Facebook : Natalia Martins (página oficial)
Youtube: Natalia Martins (https://www.youtube.com/user/natalinha05)
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »