12/10/2018 às 07h00min - Atualizada em 12/10/2018 às 07h00min

Uberlândia sedia “Z Festival” neste sábado

6ª edição do evento que tem Camila Cabello como headliner começou em Porto Alegre e passará por São Paulo e Curitiba

ADREANA OLIVEIRA
Iza está em turnê do primeiro disco, “Dona de Mim”, e Camila Cabello vem com sua “Never be the same world Tour”, shows inéditos na cidade
Z Festival chega neste sábado (13) a Uberlândia, com shows na Arena Sabiazinho. O festival internacional terá edições em São Paulo (14) e Curitiba (16) e ontem fez sua estreia em Porto Alegre (RS). Em cinco edições anteriores o festival, voltado para o público jovem, alcançou um público de 120 mil pessoas. O carro chefe da 6ª edição é a nova turnê do fenômeno Camila Cabello, “Never be the same world tour”.

Aos 21 anos, a cantora cubana radicada nos Estados Unidos é ex-integrante do grupo Fifth Harmony. Camila tem angariado prêmios relevantes em sua carreira solo. Nesta semana faturou o American Music Awards (AMA) nas categorias Nova Artista do Ano, Melhor Colaboração, Melhor Vídeo e Melhor Canção Pop/Rock (por “Havana”).

Do lado dos fãs, a expectativa é grande. “Não dá para acreditar ainda que a Camila vem. Espero que seja bom. Sou muito fã dela, estou ansiosa para vê-la e não será só no show, vou tentar vê-la no hotel também! Fui a outras edições do festival e adorei, mas esse deve superar”, comentou a universitária Priscila Faria Lemes, de 23 anos, que aprova a ideia do festival internacional na sua cidade. “Assim não preciso me deslocar da cidade igual eu fazia. Acho que Uberlândia tem tudo que precisa para ter mais shows internacionais aqui. Espero que venham muito mais artistas”.

A partir das 16h20 a música eletrônica dá o tom da balada com a DJ uberlandense Thascya, MC WM, a DJ gaúcha Bárbara Labres e o power trio de DJs Make U Sweat.

A carioca Iza é uma das atrações da noite e falou ao Diário de Uberlândia sobre suas expectativas. Ela ainda não conhece a cidade, mas pelo que conhece do público mineiro espera uma recepção calorosa. “Tenho certeza que o público ‘Z Festival’, em Uberlândia, vai curtir nosso show novo”, disse.

Cantora, compositora e instrumentista, Iza começou no mundo da música adolescente, cantando em retiros e igrejas da região onde nasceu, o bairro carioca de Olaria. Ela passou parte da infância em Natal (RN), para onde o pai foi transferido por conta do trabalho. É publicitária por formação. Foi com o incentivo dos amigos e familiares que criou um canal no YouTube para postar covers de músicas que gostava. Atraiu uma boa base de fãs e foi contratada pela Warner em 2016.
“Eu estava infeliz com o que eu fazia, com o meu trabalho, e comecei a refletir sobre o que eu queria fazer mesmo que de graça. E a resposta foi a música”, disse ela.

Seu primeiro álbum, “Dona de Mim”, traz o hit “Pesadão” e tem uma excelente projeção nacional e internacional (concorre ao Grammy Latino). “A gente trabalhou nesse álbum por quase um ano e meio. Quando criamos o disco, eu quis colocar tudo o que eu mais gosto de cantar. Eu queria falar de black music e mesmo sendo muito diverso, ele ainda é black music. Tem hip hop, capoeira, pop, R&B, jazz, blues, rap, um pouco de samba”, comentou ela.

As músicas foram compostas para o álbum, assim como as participações especiais, como a de Falcão na já citada “Pesadão”. “Cada canção foi feita pensando em um convidado. São artistas que eu admiro demais e poder criar, trocar energias e ideias foi o maior presente desse trabalho”, explicou a artista.

Os temas que surgem nas músicas de Iza são resultado de suas vivências. “Fico feliz que o meu ponto de vista é uma questão atual e precisa ser falada, que está na cabeça de outras pessoas. Eu sempre digo que eu lembro a menina que eu era e sei como era importante me ver nos lugares, me sentir representada. Sempre que eu puder, quero passar essa mensagem através do meu trabalho”. A formação publicitária e a atuação na área ajudam a divulgar seus trabalhos junto com sua equipe.

No festival, a presença feminina é dominante. Iza tem notado que o protagonismo feminino está aumentando nos festivais. “Fico feliz com isso. Quero que toda mulher tenha lugar de protagonismo, seja em qual área for. As mulheres, de uma forma geral, estão tomando as rédeas das próprias vidas. Não interessa o que a sociedade diz contra, o que falam do nosso corpo, do nosso jeito, o que a sociedade imprime nas nossas vidas. Somos nós que decidimos sobre nossas escolhas. E eu tenho visto isso no meio artístico”, finalizou.

SERVIÇO
O QUE: Z Festival Uberlândia
QUANDO: Sábado (13)
LOCAL: Arena Sabiazinho (Av. Anselmo Alves dos Santos, 3.415, Santa Mônica)
INGRESSOS: de R$ 90 a R$ 280 - à venda na loja oficial do evento no Uberlândia Shopping e no site livepass.com.br (com taxa de conveniência)
CLASSIFICAÇÃO: 16 anos desacompanhados e menores de 16 acompanhados por pais ou responsável legal
ABERTURA DO PORTÕES: 14h30
INÍCIO DOS SHOWS: 16h20
LINE UP: 16h20 DJ Thascya, 16h45 MC WM, 17h20 DJ Bárbara Labres, 19h05 Iza, 20h15 Anavitória e 21h45 Camila Cabello
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »