17/12/2017 às 05h13min - Atualizada em 17/12/2017 às 05h13min

Show para se divertir ao som de ritmos jamaicanos e brasileiros

DA REDAÇÃO
Orquestra Jamaicana de Música Brasileira (SP) se apresenta no Terrerão do Samba / Foto: Luringa/Divulgação

Uberlândia recebe hoje um show que deve movimentar ainda mais o Terrerão do Samba. Para encerrar a edição 2017 do projeto “Velha Guarda Convida” estará na cidade a Orquestra Brasileira de Música Jamaicana (OBMJ), de São Paulo. Com nove integrantes, a promessa é de uma grande festa dançante nesta primeira apresentação deles por aqui.

Em atividade desde 2008 a OBMJ deu seus primeiros passos ainda em 2005 quando o músico e produtor Sérgio Soffiatti e o trompetista Felippe Pipeta começaram a pensar sobre um projeto que contemplasse músicas jamaicanas – como rocksteady, ska e reggae. Não tardou a vir o insight para tocar músicas do repertório brasileiro em formato jamaicano, o que explica o nome da banda.

Além de Soffiatti, guitarrista e vocalista, e Pipeta no trompete a banda é formada por Marley (trombone), Otávio Nestares (trompete e flugel), Fernando Bastos (Sax tenor e flauta), Igor Thomaz (sax barítono e alto), Fábio Luchs (bateria), Rafael Toloi (baixo) e Pedro Cunha (teclados).

Na discografia da OBMJ tem o EP “Skabrazooka” (2008) e os álbuns “Volume I” (2010), “Volume II - O Baile Continua...(2013) e “OBMJ Ataca!” (2015). Entre suas versões que mais se destacam estão músicas como “Trem das Onze”, “Aquarela” e “Sítio do Pica Pau Amarelo” com uma roupagem toda particular que os uberlandenses poderão conferir, pela primeira vez ao vivo na cidade, nesta noite.

O evento traz ainda outras atrações. A cantora Adriana Francisco, que nesta lançou o EP “Pra falar de amor e cair no samba”, também no Terrerão, é uma delas. O DJ da noite será Avner Andrade. Outra banda que marca presença é a Cachalote Fuzz. Iuri Resende (guitarra e voz)

Jose Guilherme Rangel (guitarra), Fábio Masson (baixo) e Arthur Rodrigues (bateria) serão os responsáveis por levar um pouco de psicodelia para o democrático espaço do Terrerão do Samba.

 

SERVIÇO

O QUE: Projeto "Velha Guarda" convida

QUEM: Orquestra Brasileira de Música Jamaicana e ainda Adriana Francisco, DJ Ávner Andrade e banda Cachalote Fuzz

QUANDO: hoje, a partir das 16h

ONDE: Terrerão do Samba (Av. das Acácias, 390)

INGRESSOS: R$ 20 (1º lote), R$ 25 (2º lote) e R$ 30 (3º lote) à venda no Armazen Ateliê Pop Up (3224-5792) e na bilheteria do local

INFORMAÇÕES: 3219-5492 ou 99106-1715.


Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »