30/08/2019 às 08h02min - Atualizada em 30/08/2019 às 08h02min

Compartilhamento exponencial

MARIANA SEGALA

A Singularity University (SU) se tornou uma espécie de Meca da inovação. É para lá que se voltam empreendedores, estudiosos e entusiastas sempre que o assunto tangencia as tecnologias exponenciais. Trata-se de uma instituição de ensino sediada no Vale do Silício – em uma base de pesquisa da Nasa, mais precisamente – que tem como missão capacitar líderes do mundo inteiro em assuntos como inteligência artificial, realidade virtual, ciências de dados e robótica. Patrocinada por gigantes globais da tecnologia, um dos seus cursos mais famosos é o Executive Program, um mergulho de uma semana nas tecnologias que estão transformando indústrias, empresas, carreiras e vidas. É uma imersão que já ouvi ser descrita como uma “lavagem cerebral do bem”.

Patrocinada por gigantes globais da tecnologia, a instituição anseia que seus alunos e ex-alunos espalhem o que aprenderam por onde passam. E foi o que quatro executivos fizeram nesta semana em Uberlândia. Anna Paula Graboski, Fábio Túlio Fellipe, Silvio Passos e o decano Luiz Alberto Garcia, todos participantes recentes dos programas da instituição, se reuniram na Aciub para compartilhar suas impressões sobre o impacto da inovação nas mais diferentes esferas da vida.

Cada um viveu seus dias de Singularity University a partir de uma perspectiva própria. Anna Paula, por exemplo, ressaltou o fato de que o mundo vive hoje uma era de abundância – em muitos aspectos, proporcionada pela evolução tecnológica. Silvio destacou que novos modelos de negócio são cada vez mais possíveis dado o nível de conectividade e capacidade de processamento de dados existentes, além do volume de recursos para investimentos disponível no mundo. É uma combinação sem precedentes na história.
Fábio listou o que considera bons ensinamentos da SU para quem vive os dias atuais: dê espaço para o novo, aprenda a desconstruir, trabalhe o desapego e busque a diversidade. Do alto dos seus 84 anos, Luiz Alberto Garcia resumiu boa parte da discussão em uma frase concisa: “Moderno é o melhor, mais barato”.

Não foi sem uma pitada de incômodo que a plateia acompanhou todas as exposições. Mudar os negócios, mas como? Mudar por quê? Mudar quando? Da conversa com os executivos, restou claro que essa é uma discussão sem respostas prontas. E com muito mais dúvidas do que certezas, para eles também.

Câmara de inovação
Por falar em Aciub, a associação acaba de lançar uma Câmara de Inovação, reunindo os membros da entidade interessados em discutir o tema e a aplicação dele nos negócios. O fórum está aberto não apenas para as empresas de tecnologia, mas também para as dos setores tradicionais que desejem abordar o assunto.

Os MEIs ganham o estado
O número de Microempreendedores Individuais (MEI) passou de 1 milhão em Minas Gerais, segundo dados do Sebrae. Criada há dez anos, a figura jurídica do MEI representa 67% dos pequenos negócios do estado optantes do Simples Nacional. As cidades com os maiores saldos de formalizados são Belo Horizonte (174 mil MEIs), Contagem (39 mil), Uberlândia (38 mil), Juiz de Fora (30 mil) e Betim (23 mil). No Brasil, só São Paulo e Rio de Janeiro têm mais microempreendedores do que Minas.

5G se aproxima
Começaram, neste mês, os testes com a tecnologia 5G – a quinta geração da internet móvel – em Uberlândia. A velocidade de conexão nas primeiras tentativas chegou a superar 1.000 Mbps (ou 1 Gbps), número dez vezes mais alto do que o alcançado atualmente com o 4.5G, que é de cerca de 100 Mbps. Com a tecnologia 3G, que era a disponível até poucos anos atrás, a velocidade máxima era de 10 Mbps. Os testes foram conduzidos pela Algar Telecom, em parceria com a multinacional Huawei e a Faculdade de Computação da Universidade Federal de Uberlândia (UFU). A operação comercial do 5G ainda depende de um leilão de faixas pela Agência Nacional de Telecomunicações (Anatal) previsto para 2020.

*O conteúdo desta coluna é de responsabilidade do autor e não representa, necessariamente, a opinião do Diário de Uberlândia.

Tags »
Relacionadas »
Comentários »