09/08/2019 às 08h32min - Atualizada em 09/08/2019 às 08h32min

Olimpíada para aprender

MARIANA SEGALA

As olimpíadas de conhecimento se espalharam pelo Brasil nos últimos anos. A mais conhecida é, sem dúvida, a Olimpíada Brasileira de Matemática (Obmep), realizada desde 2005 pelo Instituto Nacional de Matemática Pura e Aplicada (Impa). Mas há olimpíadas de história, de química, de astronomia - e também de informática. Em linhas gerais, todas carregam o mesmo objetivo: despertar o interesse dos alunos pelo estudo das áreas e identificar os talentos existentes no país em cada segmento. No que diz respeito ao ecossistema de inovação, a Olimpíada Brasileira de Informática (OBI) é um evento importante.

Organizada pelo Instituto de Computação da Unicamp, de Campinas, a competição conta com o desafio, a engenhosidade e uma saudável dose de competição para estimular jovens talentos na área das Ciências da Computação. Pois eis que o torneio deste ano está em pleno vapor - e com resultados animadores para Uberlândia logo de início. A primeira fase da OBI, realizada localmente, já teve os resultados divulgados. E um total de 42 jovens de Uberlândia se classificaram para a segunda etapa, que é estadual.

Eles são oriundos, basicamente, de três instituições de ensino: cinco da escola de programação Super Geeks, seis do Instituto Federal do Triângulo Mineiro (IFTM) e 31 do recém-criado Instituto UberHub de Educação, hoje responsável por desenvolver as atividades do UberHub Code Club. Quem acompanha esta coluna já leu mais de uma vez referências ao UberHub Code Club, um programa gratuito que procura apresentar o mundo da programação a adolescentes e jovens adultos. Bancado com o patrocínio das empresas de tecnologia da cidade, envolve aulas ministradas presencialmente, em laboratórios de universidades, e também a distância. Aos participantes da próxima etapa da OBI, boa sorte!
 
Estreia no portfólio
 
A FCJ Triângulo anunciou, nesta semana, a primeira startup a fazer parte do seu portfólio. É a PEC Insumos, uma plataforma que facilita a vida dos produtores rurais e do campo ao possibilitar a compra de insumos agropecuários de grandes marcas. De maneira simplificada, a proposta da plataforma é oferecer um processo simples e seguro de comercialização, em que vários produtores que possuem as mesmas necessidades de insumos realizam um pedido em conjunto aos fornecedores - o que tende a baratear o preço dos produtos. A FCJ Triângulo é uma “venture builder”, empresa que tem como objetivo apoiar e desenvolver startups a partir do compartilhamento de infraestrutura, conhecimento e canais de acesso ao mercado. Licenciada da FCJ Participações, de Belo Horizonte, oferece aos empreendedores recursos humanos, rede de mentores, modelagem de negócios, serviços contábeis e jurídicos.
 
Tecnologia para a acessibilidade
 
Coisas incríveis acontecem quando a tecnologia é aplicada em favor de quem realmente precisa dela. A Biblioteca Central da Universidade Federal de Uberlândia (UFU) inaugurou nesta semana o Espaço de Tecnologias Assistivas, voltado a portadores de deficiências. O ambiente conta com itens de acessibilidade como mesa mais baixa para cadeirantes, computadores dotados de softwares especiais, uma linha braile para a leitura direta dos livros, três óculos inteligentes, scanner, teclado com letra expansiva e mouse adaptado para pessoas com pouca mobilidade nas mãos, entre outros. “Podemos resumir como a tecnologia aliada à inclusão e ao conhecimento. É parte do nosso esforço para criar uma difusão da produção intelectual e promover o acesso à informação a todos os perfis de público”, diz Paulo de Assis da Cunha, coordenador da Divisão de Atendimento ao Usuário (Diaus). A sala especial não se destina apenas aos membros da comunidade acadêmica - o público externo também está convidado a usufruir dela. Sua criação demandou investimentos de aproximadamente R$ 100 mil. É troco, em comparação com os benefícios que pode gerar a um segmento historicamente relegado à própria sorte.
 
 *O conteúdo desta coluna é de responsabilidade do autor e não representa, necessariamente, a opinião do Diário de Uberlândia.

Tags »
Relacionadas »
Comentários »