14/10/2016 às 14h45min - Atualizada em 14/10/2016 às 14h45min

Porto diz que Maicon foi mais caro do que o divulgado pelo São Paulo

Balanço do clube português declara que transferência do zagueiro custou 12 milhões de euros. Já São Paulo diz que acordo é de 6 milhões de euros mais dois jogadores

Maicon São Paulo (Foto: Erico Leonan - site oficial do São Paulo FC)

Maicon São Paulo (Foto: Erico Leonan - site oficial do São Paulo FC)

Maicon assinou com o São Paulo até 2020 (Foto: Erico Leonan - site oficial do São Paulo FC)

O balanço financeiro do Porto divulgou valores diferentes dos demonstrados pelo São Paulo pela transferência de Maicon, no fim de junho. O documento do clube português diz que a negociação foi fechada por 12 milhões de euros (cerca de R$ 42 milhões). À época, porém, o Tricolor declarou ter fechado o acordo por 6 milhões de euros (aproximadamente R$ 22 milhões) mais a cessão de dois jogadores: Inácio e Lucão.

No balanço, o Porto considera ter recebido o montante total, independentemente da participação nos direitos de jogadores. O São Paulo sustenta que não pagará nada em dinheiro além dos 6 milhões de euros, conforme o presidente Carlos Augusto de Barros e Silva, o Leco, disse em entrevista ao GloboEsporte.com, em julho. A primeira parcela de 1 milhão de euros foi paga à vista e as outras cinco semestrais do mesmo valor serão quitadas em dois anos e meio.

A diferença nos valores entre o que o Porto divulgou no seu balanço e o que o São Paulo sustenta que pagará se dá pela forma como cada clube interpreta a inclusão dos direitos econômicos de dois jogadores da base são-paulina.

Inácio e Lucão foram avaliados em 6 milhões de euros cada. O São Paulo acertou ceder 50% de cada um deles por 3 milhões de euros. O zagueiro, no entanto, não quis se transferir ao Porto, que agora terá de acertar com o Tricolor a cessão de um outro jogador.

Ou seja, a soma dos 6 milhões de euros em dinheiro, mais a inclusão dos 3 milhões de euros de cada atleta, chega aos 12 milhões de euros citados pelo Porto, uma jogada contábil dos portugueses na interpretação são-paulina. No entanto, ainda falta ir um jogador no lugar de Lucão. Além disso, não há certeza de que os dois jogadores no futuro serão vendidos por 3 milhões de euros. Esse foi o valor de mercado dos atletas ajustado entre os clubes na época da transferência.

Relembre abaixo o que disse o presidente Leco sobre a transferência.

– O Porto precisava cumprir algumas obrigações por conta do fair-play financeiro, e nós ajustamos os interesses ao nos comprometermos a pagar seis milhões de euros, além de 50% de dois jovens atletas. Os clubes acordaram por Lucão e Inácio. Cada um deles foi avaliado em seis milhões de euros. 

Balanço do Porto divulga venda de Maicon por 12 milhões de euros (Foto: Reprodução)

Balanço do Porto divulga venda de Maicon por 12 milhões de euros (Foto: Reprodução)

Balanço do Porto divulga venda de Maicon por 12 milhões de euros (Foto: Reprodução)




Notícias Relacionadas »
Comentários »