26/10/2015 às 08h32min - Atualizada em 26/10/2015 às 08h32min

Realismo e honra dividem o Atlético-MG antes do jogo mais importante do ano

por Enrico Bruno
esporte.uol.com.br/
Divulgação

A semana do jogo mais importante da temporada para o Atlético-MG já começou antes mesmo das primeiras horas dessa segunda-feira. A partir do apito final na vitória por 2 a 1 diante da Ponte Preta, na noite do último domingo, Levir Culpi já direcionou de vez todo o seu foco para receber o líder do Brasileirão no Independência. A oito pontos do líder e ainda em situação complicada para alcançar o título, o treinador é realista e evita falar em uma mudança drástica de cenário na próxima rodada, mas cita a honra do Atlético como fator motivador para deixar o clube vivo no Brasileiro.

"Eu não quero olhar por esse ângulo (título), ainda. As duas equipes são as mais regulares no campeonato. Jogamos bem em São Paulo e tivemos um resultado ruim. Para mantermos as chances é a vitória. Melhora é claro. Mas continua difícil. É uma honra também, vencer a melhor equipe do campeonato", comentou.

Apesar de toda preparação especial para a partida, Levir não vai mudar seu método de trabalho para o jogo. Assim como aconteceu em todos os outros jogos do clube em Belo Horizonte, a delegação mineira não vai pernoitar na Cidade do Galo antes da partida. Como de costume, os jogadores só irão se encontrar no CT horas antes do compromisso.

"O fato de concentrar os jogadores pode prejudicar o desempenho. A responsabilidade é uma coisa. Você a tem ou não. Concentrando ou não. O pensamento é de vitória. Vai ser um jogo duríssimo. O Corinthians não está dando possibilidades a ninguém. Uma coisa eu tenho certeza: nós vamos sair de campo abraçados. É uma promessa que estou fazendo aqui. É o jogo mais importante para mim. Eu quero ver esta partida", acrescentou Levir, que finalmente vai poder pensar no Corinthians após rodadas sonhando com a decisão no Independência.

"Esse era um jogo nervoso (contra a Ponte Preta), porque ele precede o jogo mais importante que teremos no ano, que é contra o Corinthians. O jogo começa hoje (domingo). Não adianta fazer as coisas antes, mas começa hoje jogo para nós, pelo menos a concentração. Tenho certeza que domingo teremos um jogo emocionante".

Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »