01/06/2022 às 13h50min - Atualizada em 01/06/2022 às 13h50min

Companhia de Dança Deborah Colker exibe espetáculo em Uberlândia

Nova apresentação, “Cura” terá performance no Teatro Municipal em duas sessões

REDAÇÃO | DIÁRIO DE UBERLÂNDIA
Espetáculo acontece nesta quarta (1º) e quinta-feira (2), às 20h | Foto: LINA SUMIZONO
O novo espetáculo da Companhia de Dança Deborah Colker chega a Uberlândia. Intitulada “Cura”, a nova obra será exibida no Teatro Municipal em duas sessões. A primeira acontece nesta quarta-feira (1º) e a segunda na quinta (2), ambas às 20h. Os ingressos estão à venda pelo site do Mega Bilheteria ou fisicamente na loja “Brechó Inclusive”.

“Cura” entrou em turnê no ano passado, com exibição inicial no Rio de Janeiro e nos dois últimos meses a companhia tem percorrido o Brasil, com apresentações em Porto Alegre, Florianópolis, Curitiba, Salvador, Aracaju, Maceió, Belo Horizonte, Ipatinga, São Paulo e Goiânia.

A nova obra de Deborah Colker surgiu após a notícia de que o brilhante cientista Stephen Hawking havia morrido, vítima da Esclerose Lateral Amiotrófica (ELA), uma doença extremamente cruel. Apesar de ter uma expectativa de vida de apenas três anos de vida, ele viveu mais 50. A partir disso, ela criou o espetáculo para falar sobre o processo de cura.

“Eu já sabia que precisava fazer uma ponte entre a fé e a ciência. Entre aceitar e lutar, entre calar e gritar, entre esperar e agir. Eu precisava terminar o espetáculo com o meu antídoto à crueldade: nunca perder a alegria. E agradecer por poder fazer parte dessa grande festa”, diz a sinopse de “Cura”.

​A COMPANHIA
Criada em 1994, a Companhia de Dança Deborah Colker acaba de completar 28 anos. Com 13 espetáculos em seu repertório, a companhia se mantém como uma das mais premiadas e prestigiadas no Brasil e no mundo, recebendo em 2018 o Prix Benois de la Danse de Moscou, o mais importante prêmio da categoria.

Recebeu ainda um Laurence Olivier em 2001, célebre prêmio inglês, concedido pela The Society of London Theatre, pelo espetáculo Mix. Em 2009, Deborah Colker foi convidada pelo Cirque du Soleil para criar o novo espetáculo da companhia canadense, Ovo, sendo a primeira mulher a criar e dirigir um espetáculo para o Cirque.

Em 2016, foi a diretora de movimento da cerimônia de abertura das Olimpíadas do Rio de Janeiro, evento transmitido para mais de 2 bilhões de pessoas em todo o mundo. Ao longo destes anos, a Companhia já realizou mais de 1.600 apresentações, em cerca de 65 cidades e em 32 países, atingindo um público de mais de 3 milhões de pessoas.

FICHA TÉCNICA
Criação, Coreografia e Direção: Deborah Colker
Direção Executiva: João Elias
Direção Musical: Carlinhos Brown
Dramaturgia: Nilton Bonder
Direção de Arte e Cenografia: Gringo Cardia
Desenho de Luz: Maneco Quinderé
Figurino: Claudia Kopke

SERVIÇO
O QUE: Espetáculo “Cura”
QUEM: Companhia de Dança Deborah Colker
QUANDO: quarta (1º) e quinta-feira (2), às 20h
ONDE: Teatro Municipal de Uberlândia (avenida Rondon Pacheco, nº 7.070, Tibery)
CENSURA: Livre
GÊNERO: Dança
INGRESSOS: Meia-entrada R$ 60 e inteira R$ 120, disponíveis no site www.megabilheteria.com.br e na loja Brechó Inclusive (avenida Cesário Alvim, nº 396, Centro)


• Compartilhe esta notícia no WhatsApp
• Compartilhe esta notícia no Telegram

Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »