24/09/2021 às 09h00min - Atualizada em 24/09/2021 às 09h00min

Festival Timbre anuncia datas de 2022 e primeira atração

Evento está marcado para acontecer em setembro do ano que vem

DA REDAÇÃO
Kaike foi o primeiro escolhido pela bancada de pitching do festival | Foto: DIVULGAÇÃO
O Festival Timbre de 2022 acontecerá entre os dias 15 e 18 de setembro em Uberlândia. O primeiro artista a integrar o line up é o mineiro Kaike, que passou pelo edital de apresentação de pitchings para artistas que nunca haviam se apresentado antes no evento. Ele e mais dez artistas apresentaram o seu trabalho para curadores de festivais pelo Brasil e ele acabou levando a melhor.
 
Chamado de “joia mineira”, Kaike já tem 4 singles lançados com videoclipe, o último se chama
“Vem”  e ganhou destaque em importantes veículos especializados em música. Com apenas 15 anos, o jovem impressionou a bancada de jurados composta por Gabriel “Bibi” (Festival Timbre), Bell Magalhães (Festival Sarará), Bina Zanette (Santa Produções), Carol Morena (Festival Radioca), Guilherme Tavares (Festival Favela Sounds), Gutie (Festival Recbeat) e Luciana Simões (Festival BR135).
 
“Kaíke passou muita energia na apresentação do pitching e mostrou que, embora tenha pouca idade, é muito maduro e sabe bem onde quer chegar. Tem um cuidado com tudo o que tem lançado, e está muito bem encaminhado quanto à busca por identidade. Esta curadoria coletiva resolveu apostar nele pro Timbre 2022, e realmente acho que ele tem tudo pra ganhar vários lines pelo Brasil”, contou Guilherme Tavares, diretor artístico do festival Favela Sounds, que ocorre em Brasília.
 
Para o produtor do Timbre, Gabriel Bibi, selecionar os dez nomes foi bem complicado, já que das 132 inscrições, pelo menos metade estavam prontas para tocar no evento do ano que vem. Kaike entra como uma grande aposta do festival, já que ainda não subiu aos palcos, pois iniciou a carreira em novembro de 2020 em meio à pandemia de coronavírus, mas já é acompanhado de perto por nomes como Baco Exu do Blues, Duda Beat, Mateus Carrilho, Marina Sena, entre outros.


MAIS SOBRE O FESTIVAL
O Festival Timbre é o principal festival de música independente do Triângulo Mineiro e um importante fomentador da cultura nacional. Pelos palcos já passaram artistas de todas as regiões do país, com destaque para nomes como: Elza Soares, Criolo, Anavitória, Marcelo D2, Tiago Iorc, Emicida, Rael, Nação Zumbi, Karol Conká, além de diversos artistas em início de carreira que tiveram no Timbre a oportunidade de se apresentar para grandes públicos. Foram mais de 140 shows, em 6 edições realizadas entre 2012 e 2019 com mais de 100.000 pessoas.
 
Com o propósito de estimular a diversidade musical, social, étnica e de orientação sexual, o Timbre é um festival plural, com várias ações sociais, ambientais e programações gratuitas. O festival desde 2018 vem cumprindo o compromisso de ter pelo menos 50% da line-up de mulheres, 50% da line-up de artistas mineiros, além da presença obrigatória de artistas negros e LGBTQIA+. Em 2019 mais de 80% da equipe de produção do festival foi composta por mulheres.
 

 

Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »