19/04/2021 às 10h04min - Atualizada em 19/04/2021 às 10h04min

Homem é socorrido após ser sequestrado e espancado em Uberlândia

Vítima, que é usuária de drogas, disse ter sido abordada pelos criminosos devido a uma dívida de R$ 500; um autor foi preso, mas outros envolvidos ainda não foram localizados

DA REDAÇÃO

Um homem, de 54 anos, ficou gravemente ferido após ser sequestrado e espancado em Uberlândia. Um autor que teve participação no crime foi preso, mas outros envolvidos ainda não foram localizados.
 

Segundo informações da Polícia Militar (PM), as autoridades foram acionadas para comparecer à Unidade de Atendimento Integrado (UAI) do bairro Pampulha. No local, os médicos informaram que a vítima havia dado entrada no local após ser encontrada caída na rua Oliveira Lima com muitos ferimentos.
 

O homem conseguiu relatar aos policiais que, no último sábado (17), estava em um bar no bairro Santa Mônica quando ao sair do estabelecimento foi surpreendido por um carro. Cinco indivíduos desceram do veículo e mediante ameaças obrigaram a vítima a entrar no automóvel. 
 

O homem foi levado até uma casa no bairro Lagoinha onde foi mantido em cárcere privado e sob ameaças. Ele informou ainda aos policiais que os autores estavam cobrando uma dívida de R$ 500. Como não tinha a quantia exigida, a vítima pediu que os criminosos fossem até a casa dos pais para cobrar o dinheiro. 
 

Os PMs não conseguiram coletar mais informações com a vítima já que ela apresentou piora no estado de saúde e foi transferida ao Hospital de Clínicas da Universidade Federal de Uberlândia (HC-UFU). O Diário de Uberlândia tentou entrar em contato com a unidade na manhã desta segunda-feira (19) para solicitar o estado de saúde do homem, mas as ligações não foram atendidas.
 

PRISÃO

Ainda durante as diligências, as autoridades foram até a residência dos pais da vítima. Eles confirmaram que dois indivíduos haviam ido até o local para cobrar uma dívida do filho, mas como não tinham o dinheiro, os criminosos foram embora em um carro. Os pais disseram ainda que o filho é usuário de drogas e sempre estava envolvido com dívidas do tráfico.
 

Após analisar câmeras de videomonitoramento, os policiais identificaram o veículo utilizado pelos autores. Em seguida, realizaram a abordagem do carro e renderam um dos criminosos, de 44 anos.
 

Em conversa com o homem, ele disse que estava no bairro Lagoinha para comprar drogas quando foi parado por outro envolvido no crime. Informou ainda que o criminoso queria um favor para cobrar uma dívida.
 

Ainda de acordo com o autor, eles foram até um bar no bairro Santa Mônica e renderam a vítima, que foi levada para uma casa velha e mantida amarrada. No domingo (18), a vítima conseguiu fugir do local, mas foi perseguida pelos criminosos e espancada em via pública com uma barra de ferro. Em seguida, os agressores colocaram a vítima no automóvel e a deixaram na rua próximo à UAI Pampulha.
 

Diante da situação, o homem de 44 anos foi preso em flagrante pela participação no crime e encaminhado para a Delegacia de Plantão da Polícia Civil. O carro utilizado por ele havia sido roubado e foi apreendido pelos policiais.
 

Os PMs seguiram os rastreamentos a fim de localizar os outros criminosos. Um deles foi encontrado no bairro Lagoinha, mas conseguiu fugir e acabou deixando para trás uma tornozeleira eletrônica, que havia tirado para não ser encontrado. O equipamento foi apreendido. 


VEJA TAMBÉM:



 

 
Notícias Relacionadas »
Comentários »