30/03/2021 às 14h30min - Atualizada em 30/03/2021 às 14h30min

Mesmo com alta nos preços, lojistas têm boa expectativa para a Páscoa 2021

Ovos de páscoa tiveram aumento de até 11% no valor; caixas de bombons e barras de chocolate são aposta para pessoas que querem economizar

BRUNA MERLIN
Em 2021, o produto apresentou uma alta de 11% no preço se comparado com o ano passado | Foto: Agência Brasil

A expectativa para a Páscoa 2021 é grande tanto para os comerciantes quanto para os consumidores. Mesmo com a alta nos preços dos ovos e chocolates em geral, as pessoas pretendem investir nos produtos e a confiança dos lojistas aumenta a cada dia.
 

Devido à chegada da pandemia do novo coronavírus, em 2020, comerciantes viram as vendas reduzirem. Uma das datas mais importantes para o setor de chocolate acabou sendo um pouco esquecida pelos consumidores.
 

Neste ano de 2021, o cenário deve ser diferente. Uma pesquisa feita pela Associação Brasileira de Supermercados (Abras), através do Índice Nacional de Consumo dos Lares Brasileiros, apontou que 50% dos supermercadistas do país estimam um aumento de 10% a 15% no número de vendas na Páscoa.
 

Segundo o economista de Uberlândia, Fábio Machado, a procura pelos produtos da época deve ser mais significante neste ano devido a um planejamento melhor que as pessoas fizeram ao longo dos últimos meses. “Depois de um ano de pandemia, as pessoas entenderam a real situação do cenário econômico e começaram a se planejar melhor. Sendo assim, os cidadãos estão se preparando melhor para as datas importantes e festivas do ano”, explicou.

 

SURPRESA

A uberlandense Eva Aparecida Alves Pereira, de 38 anos, decidiu investir no seu dom culinário e começou a produzir ovos para a Páscoa deste ano. Para ela, foi uma surpresa a quantidade de produtos que vendeu. 
 

Eva é proprietária da loja online Doce Sabor, que foi criada há cerca de quatro semanas. A oportunidade de se tornar uma empresária surgiu após ela perder alguns postos de trabalho como porteira e precisar se reinventar para completar a renda.
 

“Sempre gostei do ramo de confeitaria e a chegada da Páscoa me despertou o interesse de produzir os ovos para vender. Fiz um curso, comecei a fazer alguns testes e vendi”, completou a empreendedora.
 

Desde o início do mês de março, a lojista já vendeu 88 ovos de páscoa. Segundo ela, a demanda superou as expectativas. “Nunca imaginei que teria essa quantidade de vendas por ser a primeira vez que estou fazendo. A Páscoa é uma data muito importante e o chocolate é algo que agrada a todos. Fico muito feliz de ver as pessoas investindo nisso”, disse.
 

Para o futuro, Eva pretende continuar investindo na confeitaria, produzindo novos produtos e alavancando as vendas da loja. “Descobri algo que amo fazer e, com certeza, irei continuar levando um pouco de doçura para a vida das pessoas”, finalizou.

 

ALTA NOS PREÇOS

Assim como diversos outros produtos alimentícios, o chocolate teve alta no preço nos últimos meses, acarretando no aumento do valor dos ovos de páscoa. Em 2021, o produto apresentou uma alta de 11% no preço se comparado com o ano passado, conforme aponta o levantamento da Abras.
 

De acordo com o economista, Fábio Machado, a elevação no preço dos ovos se deu por diversos motivos. Entre eles estão: queda na produção das indústrias, falta de matéria prima, alta do dólar e dos combustíveis.
 

“Tudo isso afeta a cadeia de produção e serviço. Com poucos produtos e uma alta demanda, consequentemente, os preços aumentam. Tudo aumentou, sendo assim, o preço final do produto também sofre aumento”, explicou.
 

Em decorrência do acréscimo no preço dos ovos, muitas famílias estão optando por alternativas mais baratas para não deixar a data passar em branco. O levantamento da Abras revelou ainda que as pessoas estão apostando em caixas de bombons e barras de chocolates.
 

“Muitas pessoas estão utilizando essa alternativa para presentear familiares e amigos. É uma solução muito boa para aqueles que querem economizar, mas não querem deixar o período passar despercebido”, finalizou Machado. 


 

 

Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »