08/02/2021 às 09h10min - Atualizada em 08/02/2021 às 10h15min

Confraternização de família acaba com homem esfaqueado em Uberlândia

Ocorrência foi registrada neste domingo (7); três pessoas foram presas pela agressão contra a vítima

DA REDAÇÃO
Um homem, de 34 anos, foi esfaqueado após uma discussão em uma confraternização familiar, neste domingo (7), no bairro Jardim Brasília, em Uberlândia. O autor, de 23 anos, foi preso e confessou o crime, mas não informou quais foram os motivos da agressão.

Segundo relatos das testemunhas à Polícia Militar (PM), ambos estavam em uma festa familiar quando começaram a discutir. O homem e o jovem trocaram socos e foram rendidos pelos familiares que estavam no local.

Em conversa com a esposa da vítima, ela relatou que, após a confusão, eles esperavam um carro de aplicativo para ir para casa. Em determinado momento, o autor partiu novamente para cima do marido e os dois correram pela rua Urano.

Devido à situação, a companheira da vítima pegou o carro e começou a segui-los e, minutos depois, encontrou o marido andando pela via ensanguentado e com duas perfurações de faca, sendo uma no ombro e outra nas costas.

A vítima foi encaminhada até a Unidade de Atendimento Integrado (UAI) do bairro Martins e, posteriormente, transferida para o Hospital de Clínicas da Universidade Federal de Uberlândia (HC-UFU) em razão da gravidade dos ferimentos. O Diário de Uberlândia entrou em contato com o hospital, na manhã desta segunda-feira (8), e a assessoria de imprensa informou que o estado de saúde do homem é estável. 

Diante da situação, os militares se deslocaram até a unidade de saúde, e o homem informou que, além do autor do esfaqueamento, outros dois indivíduos o agrediram. Após rastreamentos, as autoridades descobriram que o agressor estava sendo escondido por parentes no bairro Jardim América.

Os policiais foram até o local e deram voz de prisão ao jovem que já tem diversas passagens por roubo, receptação, ameaça, lesão corporal, tráfico de drogas e corrupção de menores.
 Ele confessou o crime e informou que os outros agressores eram seus irmãos, que também foram presos. Todos foram encaminhados para a Delegacia de Plantão da Polícia Civil.


 
 
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »