25/01/2021 às 12h12min - Atualizada em 25/01/2021 às 12h12min

Filho do ex-vereador Baiano é nomeado Diretor de Turismo em Uberlândia

Jair Carneiro Ferraz informou ser produtor de eventos na cidade; Prefeitura ainda não se posicionou

FERNANDO NATÁLIO
A Prefeitura de Uberlândia nomeou para o cargo de Diretor de Turismo da Secretaria Municipal de Cultura e Turismo o produtor de eventos Jair Carneiro Ferraz, filho de Hélio Ferraz, o Baiano, ex-vereador que foi cassado pela Câmara Municipal de Uberlândia em 2020, por quebra de decoro parlamentar. A nomeação para o cargo, cujo salário é de R$ R$ 8.162,40, foi publicada no Diário Oficial do Município de sexta-feira (22).

Aos 32 anos, Jair Ferraz foi candidato a vereador de Uberlândia, pelo PSDB, nas eleições municipais do ano passado. Ele teve 1252 votos e não foi eleito.

A reportagem do Diário de Uberlândia entrou em contato com Jair Ferraz em busca de seu posicionamento sobre a nomeação, mas ele disse que não poderia se manifestar e que qualquer informação somente poderia ser dada pela Secretaria Municipal de Governo e Comunicação. 

A reportagem do Diário insistiu, questionando-o se teria formação na área para ocupar o posto de Diretor de Turismo da Secretaria Municipal de Cultura e Turismo, e Jair Ferraz respondeu dizendo que é produtor de eventos, sendo responsável pelas organizações do Villa Mix Uberlândia e do Carnaval na cidade. Nos dados informados por Jair Ferraz à Justiça Eleitoral, nas eleições de 2020, constava que ele tinha como grau de instrução Superior Incompleto.

O Diário também pediu à Secretaria Municipal de Governo e Comunicação o posicionamento sobre a nomeação de Jair Ferraz para o cargo, mas, até o momento, não foi emitida nenhuma nota. 

CASSAÇÃO
O pai de Jair Ferraz, Hélio Ferraz, o Baiano, era presidente da Câmara Municipal de Uberlândia quando foi cassado pelo Legislativo, no dia 12 de maio de 2020, por quebra de decoro parlamentar. Ele é um dos investigados na Operação “Má Impressão”, do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco), que apurou desvio de verbas indenizatórias.    




 
 
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »