26/12/2020 às 08h25min - Atualizada em 26/12/2020 às 08h25min

Vagas do estacionamento rotativo Zona Azul serão enumeradas

Tarifa do sistema em Uberlândia é cobrada de segunda a sexta-feira, das 8h às 18h, e aos sábados das 8h às 13h

DA REDAÇÃO
Valor de cobrança é de R$ 1,10 para cada 30 minutos, com os primeiros 15 minutos gratuitos | Foto: PMU/Divulgação
Todas as vagas do estacionamento rotativo Zona Azul de Uberlândia passarão a ser enumeradas. De acordo com a Prefeitura, com a inclusão da numeração, o controle do tempo de permanência de cada veículo nas vagas será feito de forma eficaz e o trabalho dos monitores será otimizado.

Quando o serviço de pintura for concluído em todas as vagas do sistema rotativo, o usuário passará a ter que informar o local em que estacionou pelo aplicativo Faixa Azul Digital-Uberlândia ou pelos parquímetros instalados.

Desde 2017, o sistema é administrado pela Instituição Cristã de Assistência Social de Uberlândia (Icasu), conveniada com a Prefeitura Municipal.

As vagas que fazem parte da área de abrangência do sistema terão um número registrado e o serviço de pintura foi iniciado no último dia 18 pelas avenidas Afonso Pena e Floriano Peixoto. As avenidas Cesário Alvim, Rio Branco, João Pinheiro e Cipriano Del Fávero também vão receber o serviço, além da região central da cidade, avenida Getúlio Vargas e nas vias do bairro Martins.

A fiscalização da rotatividade é feita por agentes da Secretaria Municipal de Trânsito e Transportes (Settran), por meio de um aplicativo que controla a permanência de cada veículo estacionado.    

ZONA AZUL
A tarifa do Zona Azul é cobrada de segunda a sexta-feira, das 8h às 18h, e aos sábados das 8h às 13h. O valor de cobrança é de R$ 1,10 para cada 30 minutos, com os primeiros 15 minutos gratuitos. A permanência máxima de cada veículo em uma mesma vaga é de duas horas.

De acordo com a Icasu, o sistema de Zona Azul possui 3.669 vagas, 109 parquímetros e 35 monitores. Os recursos líquidos arrecadados pela a instituição são destinados para a aquisição de remédios da rede pública de saúde do Município.






 

Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »