11/11/2020 às 08h32min - Atualizada em 11/11/2020 às 08h32min

Coden apresenta reivindicações a candidatos de Uberlândia

Entidade de desenvolvimento econômico da cidade busca redução de despesas no Legislativo

DA REDAÇÃO

O Conselho de Desenvolvimento Econômico de Uberlândia (Coden), que representa entidades de classe e organizações comprometidas com o desenvolvimento econômico e social na cidade, apresentou aos candidatos às eleições municipais reivindicações de interesse da sociedade e que são defendidas pelas organizações. O objetivo da iniciativa é garantir um compromisso expresso dos candidatos, com assinatura dos documentos elaborados.

As reivindicações aos candidatos a prefeito foram promovidas em uma reunião virtual do Coden onde, na ocasião, Fábio Pergher, presidente do conselho, apresentou a entidade e os indicadores mais relevantes para a administração do município. Na sequência, cada candidato apresentou as ações previstas em seus respectivos planos de governo para evolução dos resultados desses indicadores.

Os indicadores foram elaborados pelas câmaras técnicas do Coden, que são divididas nas temáticas segurança, infraestrutura e mobilidade, desenvolvimento econômico, saúde e educação. Na reunião, o Coden reforçou que os candidatos se comprometam a considerar os indicadores apresentados em seus planos de governo e eventual plano de gestão de quem for eleito. O material completo será disponibilizado aqui, no menu Indicadores Prefeitos.

VEREADORES
No caso dos candidatos a uma das 27 vagas de vereador em Uberlândia, o documento com as reivindicações deve ser acessado aqui, onde tem o passo a passo para envio do material assinado. Esta página também apresenta quem são os candidatos que já se comprometeram com as seguintes reivindicações:

• Redução do número de vereadores em Uberlândia dos atuais 27 para, no máximo, 21 legisladores (aprovação na legislatura que assume em 2021 com validade para a legislatura de 2025 a 2029);

• Redução do número de assessores por gabinete limitado a, no máximo, 7 assessores;
• Extinção da verba indenizatória;
• Apoio a todos os projetos de lei para a melhoria do ambiente de negócios, especialmente ações com foco em desburocratização dos serviços públicos municipais, facilitando o acesso ao crédito, reduzindo ou extinguindo tributos.


VEJA TAMBÉM:

Consumidora de Uberlândia deve receber R$ 10 mil por portabilidade indevida


CDL propõe estacionamentos subterrâneos no Centro de Uberlândia


 

Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »