20/07/2020 às 17h21min - Atualizada em 20/07/2020 às 17h21min

Município recebe mais de 130 mil medicamentos para o combate à Covid-19

Doação foi feita pela Unimed à Prefeitura de Uberlândia; expectativa é de que remédios tratem 12 mil pessoas até o fim do ano

IGOR MARTINS

A rede municipal de Saúde recebeu, da Unimed Uberlândia, mais de 130 mil medicamentos que serão utilizados no combate à Covid-19. O anúncio da doação foi feito em live realizada pela Prefeitura na tarde desta segunda-feira (20). Os remédios incluem 72 mil comprimidos de Hidroxicloroquina, 55 mil de Azitromicina e 4 mil de Ivermectina. A expectativa é de que os comprimidos possam tratar 12 mil pessoas na cidade até o fim do ano.

Durante a live, o secretário de Saúde, Gladstone Rodrigues da Cunha, afirmou que o Município tem procurado unir esforços no intuito de enfrentar o coronavírus e a doação é fruto da integração entre os setores público e privado.

“No Comitê de Enfrentamento à Covid-19, isso se reflete bastante, de ter representantes de hospitais privados e públicos, tanto do Município quanto da Universidade Federal. É um gesto de ação conjunta em benefício da população. Para nós, não interessa se o paciente está em um hospital privado ou público”, disse.

No último dia 2 de julho, por recomendação do Comitê Municipal de Enfrentamento ao Covid-19, a Secretaria Municipal de Saúde atualizou e alinhou com a rede privada o Protocolo de Manejo de Pacientes Sintomáticos Respiratórios, Síndrome Gripal e Síndrome Respiratória Aguda Grave que prevê o uso dos três medicamentos.

Os comprimidos poderão ser retirados gratuitamente nas farmácias da Rede Municipal de Saúde mediante receita médica, mesmo que de instituição privada, e assinatura do termo de responsabilidade do paciente no caso de prescrição dos medicamentos pertinentes ao Protocolo. A estimativa é que a quantidade de medicamentos seja capaz de auxiliar no tratamento de até 12 mil pessoas.


REABERTURA DO COMÉRCIO
O prefeito Odelmo Leão também se pronunciou durante a live desta tarde. Com a reabertura gradual do comércio, o chefe do Executivo pediu atenção e colaboração à população, especialmente aos comerciantes e empresários que voltaram às atividades nesta segunda.

“Apoiem essas medidas sanitárias que são recomendadas, para que realmente nós possamos manter o equilíbrio entre a saúde e a economia”, falou Leão.

VEJA TAMBÉM:

Em 24 horas, Uberlândia contabiliza mais 323 casos de Covid-19

Veja como fica o comércio de Uberlândia com as novas regras de funcionamento





















 

Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »