11/07/2020 às 08h00min - Atualizada em 11/07/2020 às 08h00min

TJMG discute retomada dos trabalhos presenciais no Fórum de Uberlândia

Presidente Gilson Soares Lemes se reuniu com magistrados da comarca; expectativa é que atividades voltem a partir do dia 3 de agosto

DA REDAÇÃO
Reunião aconteceu no Fórum de Uberlândia localizado na avenida Rondon Pacheco | Foto: Divulgação
O presidente do Tribunal de Justiça de Minas Gerais (TJMG), Gilson Soares Lemes, se reuniu na última quinta-feira (9) com o magistrado da comarca de Uberlândia para discutir como será a retomada do trabalho com processos físicos no Fórum da cidade ainda durante o período da pandemia da Covid-19. O retorno gradativo das atividades presenciais, que estavam suspensas desde março, está marcado para o dia 3 de agosto. 

O desembargador estava acompanhado do 2º vice-presidente do TJMG, Tiago Pinto, e do juiz auxiliar da Presidência, Jair Francisco dos Santos. Inicialmente, Gilson Soares Lemes iniciou a reunião, que aconteceu no Fórum de Uberlândia, explicando sobre o ato normativo que será publicado sobre a retomada dos serviços e abriu espaço para que os 33 magistrados da Comarca pudessem dar opiniões e sugerir alterações no documento. 

O ato vai definir o retorno da tramitação, procedimentos e julgamentos dos processos físicos nas comarcas, trabalho que foi interrompido em razão da Covid-19. O presidente ressaltou que mesmo com a informatização do TJMG, que envolveu os processos cíveis em todas as 297 comarcas mineiras por meio do Processo Judicial eletrônico (PJe), é grande o número de processos físicos ainda em tramitação.

Na ocasião, o presidente da Corte mineira explicou ainda que o Tribunal deverá dividir o estado em oito ou nove regiões para que as comarcas sejam melhor monitoradas, durante os próximos meses, em relação à pandemia. De acordo com o magistrado, nada impede que a direção do TJMG volte atrás e adote novas ações em determinada região, conforme a realidade identificada. As medidas serão definidas com base no avanço ou na diminuição no número de casos da doença e na colaboração dos magistrados, servidores, colaboradores e a comunidade.

 
"Vamos agir com o máximo de cuidado para não colocar em risco nossos servidores, colaboradores e magistrados. Mas ressalto a importância de uma retomada gradativa, para que advogados possam acessar os processos e fazer com que a Justiça volte à normalidade", acrescentou. 

Além do retorno às atividades, o presidente ouviu as preocupações dos magistrados da comarca quanto a questões envolvendo a previdência estadual, o 13º salário e as relações com o Executivo estadual, além de espaço para a guarda de processos físicos.

AGENDA

Gilson Soares também visitou a cidade de Araguari nesta quinta-feira (9) 


A cidade de Uberlândia foi a primeira a ser visitada pelo presidente do TJMG, Gilson Soares. Atualmente, a comarca é a segunda maior de Minas Gerais, tendo ultrapassado a de Contagem e ficando atrás somente da capital Belo Horizonte. 

Ainda na quinta (9), no período da tarde, o desembargador foi até a cidade de Araguari, onde também se reuniu com os juízes da comarca. Ele também visitou as obras do novo Fórum Doutor Oswaldo Pieruccetti, que deverá ser inaugurado em breve. 


VEJA TAMBÉM: 




















 

Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »