10/07/2020 às 08h00min - Atualizada em 10/07/2020 às 08h00min

Regis Danese promove nova live nesta segunda-feira (13)

Cantor adiantou em conversa com o Diário que apresentação será ao ar livre

COLABORAÇÃO JADIR JÚNIOR
Cantor acredita que calendário de shows deve voltar apenas em 2021 | Foto: Nina Ramos Fotografia/Divulgação

Regis Danese promove nesta segunda-feira (13), a partir das 19h, sua segunda live. Em conversa com o Diário, o músico contou detalhes sobre os preparativos para a transmissão que acontece no canal oficial do cantor no Youtube.

Sobre os resultados positivos conquistados com a primeira live realizada no mês de maio, ao todo foram mais de cinco horas de transmissão e arrecadadas 11 toneladas de alimentos. O vídeo conquistou a 11ª posição entre os mais assistidos do mundo no dia.

"Pude acompanhar a entrega das doações, ver as famílias que receberam as cestas, os alimentos, foi algo sobrenatural. Eu creio que esta segunda transmissão vai superar todos os recordes. Tudo que fazemos com amor, carinho, dedicação, não tem como dar errado".

Sobre os preparativos para a nova transmissão, Regis adiantou poucos detalhes envolvendo repertório e o cenário. “Escolhi canções do segmento gospel que marcaram os anos 80 e 90, músicas que fizeram parte de um momento muito importante na minha vida, a minha conversão para o mercado gospel. São músicas que quando eu canto sinto uma presença de Deus, são músicas que eu nunca cantei nos shows, estamos preparando um cenário maravilhoso, algo jamais visto, destacou”.

Em função das condições climáticas, o primeiro show online do cantor sofreu alterações de última hora na estrutura. "Por conta da chuva, tivemos que alterar o cenário da nossa primeira live. Havíamos pensado em um cenário incrível. Para a próxima, vamos usar um caminhão de equipamentos, já adianto que desta vez será ao ar livre”.

Analisando a situação em que se encontra o mercado de shows e o  entretenimento em geral, Regis Danese foi categórico ao falar sobre a crise instaurada em função da pandemia do novo coronavírus.

"Eu acredito que só no ano que vem para retomarmos nossa agenda de shows e compromissos profissionais. Nosso segmento foi um dos mais afetados, fomos os primeiros a parar e seremos os últimos a retomarmos os trabalhos. Mas cremos em Deus, não podemos perder a esperança, a fé, temos que crer que dias melhores virão”.


VEJA TAMBÉM:

Prefeitura abre cadastro de espaços culturais em Uberlândia

Atleta do Praia Clube fala sobre retorno do futsal























 

Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »