21/12/2019 às 08h30min - Atualizada em 21/12/2019 às 08h30min

Praia Clube encara o Osasco em São Paulo

Após a primeira derrota, equipe sofreu cobranças do treinador para melhorar a defesa

ÉDER SOARES
Neste sábado (21), a equipe tem uma briga direta pela terceira colocação às 19h | Foto: Praia Clube/Divulgação
O técnico Paulo Coco cobra que a defesa do Dentil/Praia Clube seja mais efetiva e que a equipe não alterne tanto de uma partida para a outra. Esta constatação veio principalmente após a primeira derrota na Superliga Feminina, na última quarta-feira (18), quando a equipe foi superada em casa pelo Sesc-Rio. Neste sábado (21), a equipe tem uma briga direta pela terceira colocação, diante do Osasco (SP), às 19h, na capital paulista, partida que será transmitida ao vivo pelo canal SporTV. As equipes estão empatadas com 18 pontos, mas o Praia tem uma partida a menos.

Para o técnico Paulo Coco, a instabilidade no setor defensivo vem prejudicando o rendimento da equipe desde a disputa do Mundial na China. “Uma equipe que não consegue ter estabilidade na defesa, certamente passará por muitas dificuldades, ainda mais quando se enfrenta grandes adversários, como foi o caso do Rio. Precisamos acertar este posicionamento, pois não podemos ficar contando apenas com o nosso poderio ofensivo, que é muito forte”, disse Coco.

A central e capitã da equipe, Walewska, entende que o momento de é observar os erros e tratar de eliminá-los rapidamente, já começando contra o Osasco. “Acho que está muito claro para todo o grupo o que é preciso ser feito. Temos um time muito experiente e maturidade suficiente para entender o momento, que não estamos tendo uma sequência de bons jogos e que esta instabilidade precisa ser superada. Vamos, dentro de quadra, manter uma maior concentração para que possamos conseguir uma sequência de vitórias e nos reaproximar da liderança”, disse a capitã.

Mais uma vez, o técnico Paulo Coco não poderá contar com uma de suas principais jogadoras, a ponteira Fernanda Garay, que passou uma cirurgia no nariz e não tem previsão de retorno aos jogos. Este será o último duelo do ano para o Praia Clube. Depois, a equipe só volta a jogar no dia 7 de janeiro, quando enfrentará o São Paulo, em Barueri (SP).








 

Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »