03/03/2016 às 16h10min - Atualizada em 03/03/2016 às 16h10min

Brasil já teve quase 6 mil notificações de microcefalia, desde outubro de 2015

Os casos estão distribuídos em 1.143 cidades, em 25 estados do Brasil. Amapá e Amazonas são os únicos estados em que não houve notificação de microcefalia.

Jefferson Moraes
Divulgação

Segundo boletim divulgado pelo Ministério da Saúde nesta terça-feira (1), até o dia 27 de fevereiro deste ano, houve 5.909 notificações de microcefalia no Brasil, sendo que 641 foram confirmadas, 1.046 foram descartadas e 4.222 estão sendo investigados. Destes, 82 tiveram exame positivo para o vírus zika.

Os números surpreendem. Também foram notificados 139 mortes por microcefalia após o parto ou durante a gestação, dos quais 31 foram confirmados para microcefalia ou alteração do sistema nervoso central, 12 foram descartados e 96 continuam em investigação.

Os casos estão distribuídos em 1.143 cidades, em 25 estados do Brasil. Amapá e Amazonas são os únicos estados em que não houve notificação de microcefalia. 81% dos casos estão no Nordeste, sendo que Pernambuco é o estado com maior número de notificações (1.672), seguido por Bahia (817), Paraíba (810), Rio Grande do Norte (383), Ceará (352), Rio de Janeiro (261), Alagoas (222), Sergipe (192) e Maranhão (192).

Além disso, existe a transmissão local do zika vírus em 22 unidades da federação: Goiás, Minas Gerais, Distrito Federal, Mato Grosso do Sul, Roraima, Amazonas, Pará, Rondônia, Mato Grosso, Tocantins, Maranhão, Piauí, Ceará, Rio Grande do Norte, Paraíba, Pernambuco, Alagoas, Bahia, Espírito Santo, Rio de Janeiro, São Paulo e Paraná.

Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »