14/12/2019 às 09h30min - Atualizada em 14/12/2019 às 09h30min

Flávio Soares planeja volta por cima em 2020

Fora de torneios neste ano, corredor de Uberlândia já traça planos para próxima temporada e manifesta preocupação com falta de incentivos

ÉDER SOARES
Flávio Soares diz que, até o momento, não vê novos talentos na corrida de rua em Uberlândia | Foto: Éder Soares
Aos 38 anos de idade, o corredor uberlandense Flávio Soares planeja voltar a competir em alto desempenho no ano que vem. Principal papa-títulos da região e um dos principais corredores do estado, Flávio foi obrigado a dar uma “freada” nas competições em 2019 em virtude de projetos pessoais. Apesar de 2020 ser ano olímpico, o que acaba dificultando o planejamento para as competições em nível nacional, ele já tem como meta principal a sua participação na Corrida Tribuna de Santos, considerada a prova mais rápida do Brasil, prevista para acontecer no mês de maio.

Especialista nas provas de 5km, 10km e 21km, o uberlandense aproveita o final de ano para antecipar a sua preparação visando 2020. “Corri pouco e não participei de competições neste ano de 2019 devido a projetos pessoais, mas venho treinando diariamente pensando no ano que vem. Até o presente momento, ainda não defini as metas para o novo ano, mas é certo que estarei de forma ativa nas competições regionais e também de âmbito nacional”, disse Flávio.

A carreira do atleta começou por acaso em meados de 2004, apenas para sair do sedentarismo. Entre os vários títulos na carreira, Soares destaca o título na Corrida NIKE 10K em 2016, evento realizado simultaneamente com mais oito cidades latino-americanas; os três títulos da Corrida do Cerrado, tradicional evento realizado em Uberlândia, além da na Meia Maratona de Iguazu, na Argentina, em 2015. “Todas os títulos foram importantes para mim, cada um tem o seu valor e não dá para descrever qual significa mais”, afirmou Flávio, que participou de quatro edições da Corrida de São Silvestre, na qual pretende estar presente pela quinta vez em 2020.

A idade não assusta o corredor, já que os principais corredores e maratonistas brasileiros e mundiais têm idades acima dos 35 anos. Segundo ele, a experiência conta muito nestes tipos de provas. “Geralmente, os corredores mais experientes acabam levando vantagem pela questão de saber administrar uma prova, enquanto o mais jovem, muitas vezes, acaba indo muito pelo lado da vitalidade pura e acaba se desgastando mais. Uma corrida é também um jogo de xadrez, no qual a melhor estratégia irá vencer”, disse Flávio.

O uberlandense citou como exemplo o veterano Paulo Roberto de Paula, de 40 anos, um dos principais maratonistas do Brasil, e que está na luta por índice para ir ao Jogos Olímpicos de Tóquio 2020. “O Paulo Roberto é um corredor fantástico, ele alia a parte física com a experiência e estratégia na hora das provas”, afirmou.

Em relação aos novos corredores da cidade, Flávio Soares afirma que falta incentivo para a formação de talentos. “Tem crescido muito as corridas em Uberlândia, está em uma crescente e isso se estende por todo o cenário brasileiro. Mas, por outro lado, não observo atletas novos em Uberlândia. Vejo corredores de outras cidades e que por sinal estão obtendo resultados expressivos. Não consigo citar futuros sucessores meus em Uberlândia, os meios de comunicações e mídias locais não citam e não destacam futuras revelações. Não há atletas em evidência”, disse.  
 
UBERLÂNDIA
A Fundação Uberlandense do Turismo, Esporte e Lazer (Futel) definiu o seu calendário de corridas para 2020. No total, estão programadas cinco corridas para o próximo ano, sendo elas: Corrida do Trabalhador (dia 1º de maio), Corrida da Infantaria (24 de maio), Corrida de Revezamento de Uberlândia a Romaria (25 de julho), Corrida Alferes Run (20 de setembro) e Corrida Desafio do Parque (8 de novembro). Além de promover essas provas, a Futel apoiará outras atividades de atletismo previstas para 2020.
Em 2019, quando mais de 3 mil pessoas participaram doe eventos realizados. “Esses números comprovam que Uberlândia tem um grande público para o atletismo e essa aceitação foi fundamental para que montássemos o nosso calendário de corridas para 2020”, disse o coordenador de corridas da Futel, Robson Medeiros.
 
Calendário de corridas promovidas pela Futel em 2020
Corrida do Trabalhador – 1º de maio
Corrida da Infantaria – 24 de maio
Corrida de Revezamento de Uberlândia a Romaria – 25 de julho
Corrida Alferes Run – 20 de setembro
Corrida Desafio do Parque – 8 de novembro







 

Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »