04/12/2019 às 12h33min - Atualizada em 04/12/2019 às 12h33min

Polícia registra roubos e agressão em ônibus de Uberlândia

Trio roubou pertences de adolescente e agrediu jovem com canivete; polícia encontrou suspeitos no bairro Lagoinha

GIOVANNA TEDESCHI

A Polícia Militar (PM) registrou dois roubos e uma agressão em Uberlândia na noite desta terça-feira (3). As ocorrências aconteceram no mesmo ônibus durante o trajeto sentido à avenida João Naves de Ávila. O primeiro assalto ocorreu no momento em que o veículo saía do Terminal Central e o segundo quando estava na Estação 8 do corredor, próximo ao bairro Lagoinha.

Três pessoas participaram dos crimes, sendo dois jovens de 18 anos e um menor de 13 anos. No Terminal Central, por volta das 19h35, a vítima era um adolescente de 17 anos. Ele disse à polícia que entrou no ônibus e percebeu que os três suspeitos também embarcaram e sentaram junto com ele no fundo do veículo.

Quando o ônibus deu partida, um deles lhe apontou uma faca, dizendo que estava com fome e precisava de dinheiro. A vítima respondeu que não tinha nenhum valor e o suspeito o ameaçou, dizendo para lhe entregar tudo. O adolescente deu então a mochila, o celular e o relógio e tentou desembarcar na próxima estação, mas o suspeito o segurou. Na estação seguinte, a vítima desembarcou correndo e os três continuaram no ônibus.

Próximo à Estação 8, os suspeitos roubaram o celular de um jovem de 20 anos. Eles o agrediram com um canivete na região do abdômen e desceram do ônibus. O motorista seguiu para a Unidade de Atendimento Integrado do bairro Pampulha. A vítima precisou ser encaminhada depois ao Hospital de Clínicas da Universidade Federal de Uberlândia (HC-UFU) devido à gravidade dos ferimentos.

Uma testemunha chamou a PM, que conseguiu abordar o trio enquanto entrava no bairro Lagoinha. Os objetos roubados foram encontrados com eles. As vítimas das ocorrências e um outro passageiro os reconheceram. O canivete foi encontrado em um terreno baldio próximo à Estação 8.

Os maiores de idade receberam voz de prisão e o menor, de apreensão. Todos foram encaminhados à delegacia de plantão. O Diário entrou em contato com a assessoria de imprensa do Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros do Triângulo Mineiro (Sindett) para uma posição sobre os crimes e aguarda resposta.




 
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »