27/11/2019 às 09h44min - Atualizada em 27/11/2019 às 10h38min

PM flagra desmanche de carros e três são presos em Uberlândia

Veículo encontrado seria fruto de golpe do seguro; militares localizaram peças em loja no bairro São Lucas

DA REDAÇÃO
Fox vermelho já estava desmanchado | Foto: Diário de Uberlândia

A Polícia Militar (PM) descobriu um desmanche de carros e prendeu três pessoas na tarde desta terça-feira (26), por volta das 15h, em Uberlândia. O flagrante ocorreu na rodovia MGC-455, próximo ao Anel Viário Ayrton Senna.

 

Os militares faziam um patrulhamento pela estrada quando viram um carro no meio do mato e uma peça automotiva vermelha sendo jogada. Foi aí que tentaram abordar dois suspeitos, sendo que um deles tentou fugir. No local, encontraram um veículo vermelho completamente cortado, com algumas partes ainda quentes, e um Fiat Fiorino.

Fiorino também foi encontrado no local | Foto: Diário de Uberlândia

 

O homem que tentou fugir apresentou um documento falso e afirmou que as peças encontradas eram sucata, mas não soube explicar por que as marcas de identificação dos carros estavam raspadas. Os policiais descobriram então a verdadeira a identidade do suspeito e que ele tinha um mandado de prisão em aberto.

 

O outro autor disse à PM que as peças encontradas eram de um Volkswagen Fox vermelho e que o motor estaria em uma loja de peças na avenida Paulo Firmino, bairro São Lucas. As viaturas foram até o local e conseguiram localizar tanto o motor, quanto as outras peças do carro. Ainda encontraram partes de outros veículos, também com a numeração raspada. O dono do estabelecimento disse ao militares que um dos suspeitos levou o Fox para ser desmanchado na manhã de ontem (26).

 

O homem que relatou a marca do veículo também disse que o carro não tinha nenhuma queixa de roubo porque o dono daria o golpe do seguro para receber a indenização. Ele faria a denúncia apenas na quinta-feira (28). O proprietário da loja confirmou a informação. 

 

A viatura foi então à residência do suposto dono do carro. A esposa do homem afirmou que ele estava em Manga (MG), norte do estado. Perguntada sobre como o marido viajou, disse que ele usou o Fox vermelho.

 

Os três suspeitos foram presos e levados para a delegacia de plantão junto com os materiais e documentos encontrados.



 

Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »