28/09/2019 às 07h30min - Atualizada em 28/09/2019 às 07h30min

Jeremias Brasileiro lança o 24º livro neste sábado (28)

Lançamento acontece no Sesc; haverá ainda leituras e performances, além de música ao vivo

ADREANA OLIVEIRA

O historiador mineiro Jeremias Brasileiro, natural de Rio Paranaíba, radicado em Uberlândia desde 1974 lança neste sábado (28) seu 24º livro de uma trajetória nas escritas iniciada em 1980. Em “Ler Imagens – Contar Histórias: Cronivivências de uma cidade em preto e branco” (Ed. Subsolo, 60 páginas) ele traz uma leitura sobre o racismo e a luta das comunidades negras em Uberlândia e ainda suas conquistas, e percalços. O livro terá preço especial no lançamento, R$ 25.

Ao longo de três décadas, Brasileiro conheceu muitas histórias e demorou um tempo até conseguir a confiança de seus interlocutores. “Eu trabalhava como vigia, no início dos anos 1980 e tinha contato com algumas pessoas como a dona Dolores, que está no livro. Ela falava pra mim: ‘filho, você precisa ir para a faculdade para defender a nossa história’. Hoje eu me sinto como se cumprisse a missão a qual fui destinado”, afirmou o autor, que concluiu seu doutorado neste ano.

Foram muitos os encontros e surpreendentes as histórias. Graças ao trabalho de pesquisa de Brasileiro, Edilamar, 75 anos, viu uma foto do pai pela primeira vez. “Eu ouvi muitas histórias sobre Leônidas, o pai dela. Ela só sabia o primeiro nome. Conversando com uma pessoa do Recife, que falou com outra de Goiânia, conseguimos a certidão de óbito dele e o localizei em uma foto que mostrei a ela”.

Esses acervos estão praticamente todos com as famílias e conquistar a confiança delas, que prezam por sua história e como serão contadas, foi um exercício de conexão que Brasileiro vem exercendo ao longo de seus estudos, e vê coroado neste livro. “Estas pessoas merecem ter suas histórias compartilhadas. São parte da história de Uberlândia que muitos desconhecem”, afirmou.

O material é muito rico e deve estar presente nas escolas e nas bibliotecas de todos que prezam a história de nossa cidade. “Tem coisas que a gente não espera. O homem que está na contracapa do livro, Ezequiel Monteiro, é avô do atual vice-presidente da OAB de Uberlândia e consegui a foto com a irmã dele”.

Essas fotografias e relatos inéditos é um convite a uma viagem pela nossa história muito bem conduzida por Jeremias Brasileiro, que com certeza, não vai parar por aqui.

SERVIÇO

O QUE: Noite Literária – lançamento do livro “Ler Imagens – Contar Histórias: Cronivivências de uma cidade em preto e branco”
QUEM: Jeremias Brasileiro
QUANDO: sábado (28), às 19h
LOCAL: Salão Social do Sesc Uberlândia - 1º andar (R. Benjamin Constant, 844, Aparecida)
ENTRADA FRANCA
LEITURAS E PERFORMANCES
: Robson Camilo, Geovania Dias e Rubia Bernasci
MÚSICA: Carlos Silva
INFORMAÇÕES: 3304-1200

Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »